Subida de temperatura e risco elevado de incêndios no interior nos próximos dias

Subida de temperatura e risco elevado de incêndios no interior nos próximos dias

A Autoridade Nacional de Protecção Civil (ANPC) alertou hoje para o elevado risco de incêndios nos próximos dias, nomeadamente nas regiões do interior e Algarve, onde as temperaturas podem chegar aos 34 graus.

Nos próximos três dias vai haver uma subida gradual da temperatura máxima nas regiões do sul e do interior norte e centro (30 a 34 graus), e a partir de domingo o aumento de temperatura chega também às regiões do Minho e Douro Litoral. A partir de segunda-feira a temperatura mínima atinge também valores elevados, em especial nas regiões do interior centro e no Minho (25 graus centigrados).

Temperaturas altas, aliadas a uma humidade relativa do ar entre 20 e 30 por cento nas regiões do sul e do interior norte e centro, e a vento moderado levam a ANPC a alertar para “índice de risco de incêndio com níveis muito elevados nas regiões do interior e Algarve”.

O aviso de agravamento de perigo de incêndio florestal da SNPC tem em conta as previsões do Instituto Português do Mar e da Atmosfera que prevê vento moderado (até 35 quilómetros por hora) em especial nas tardes de hoje e de sábado, com possibilidades de rajadas até 60 quilómetros junto à costa e nas terras altas do litoral. A ANPC, entre recomendações e alertas sobre medidas preventivas de incêndios, lembra que são proibidas queimadas ou outras fogueiras ou lançar balões com mecha acesa ou qualquer tipo de foguetes, bem como fumar em espaços florestais.

Até 15 de agosto a área ardida (incêndios florestais) deste ano foi substancialmente menor se comparada com igual período do ano passado, cerca de um quinto, segundo o Instituto de Conservação da Natureza.

 

 

LEIA TAMBÉM

idosos

Idoso desaparecido em Trancoso

Os Bombeiros e a GNR estão a procurar um homem de 90 anos que foi …

frio

Frio vai acentuar-se amanhã, mas sem previsão de chuva para os próximos dias

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê para amanhã uma descida das …