Supremo rejeitou pedido de libertação imediata de Sócrates

O Supremo Tribunal de Justiça (STJ) rejeitou hoje um pedido de libertação imediata do ex-primeiro ministro José Sócrates, em prisão preventiva no Estabelecimento Prisional de Évora desde Novembro. O “habeas corpus”, indeferido pela 3.ª Secção do STJ, foi interposto por Jorge Domingos Dias Andrade.

José Sócrates, recorde-se, está indiciado dos crimes de branqueamento de capitais, fraude fiscal qualificada e corrupção.

LEIA TAMBÉM

Combustíveis sobem na segunda-feira pela quinta semana consecutiva e batem recorde do ano

Os combustíveis deverão voltar a subir na próxima segunda-feira. Será a quinta semana consecutivo a …

Dois traficantes detidos em Pinhel

O Núcleo de Investigação Criminal de Pinhel da GNR deteve dois homens, de 28 e …