Supremo rejeitou pedido de libertação imediata de Sócrates

O Supremo Tribunal de Justiça (STJ) rejeitou hoje um pedido de libertação imediata do ex-primeiro ministro José Sócrates, em prisão preventiva no Estabelecimento Prisional de Évora desde Novembro. O “habeas corpus”, indeferido pela 3.ª Secção do STJ, foi interposto por Jorge Domingos Dias Andrade.

José Sócrates, recorde-se, está indiciado dos crimes de branqueamento de capitais, fraude fiscal qualificada e corrupção.

LEIA TAMBÉM

Dois detidos em flagrante em Tábua por cultivo de cannabis

O Núcleo de Investigação Criminal do Destacamento Territorial da Lousã deteve, ontem, dois homens com …

GNR realizou ontem 40 detenções em flagrante delito, sete das quais por roubo

Apenas um elemento do grupo suspeito de vários crimes na zona Centro ficou em prisão

Dos cinco jovens, com idade entre os 22 e os 28 anos detidos pela PJ …