Subida de temperatura e risco elevado de incêndios no interior nos próximos dias

Temperatura sobe e dezassete concelhos ficam em risco máximo de incêndio

Dezassete concelhos de Portugal continental apresentam hoje, em que a temperatura pode subir até mais cinco graus, risco muito elevado de incêndio, de acordo com informação disponível na página do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) na Internet.

Guarda, Arganil Moimenta da Beira, Sabugal, Pampilhosa da Serra, Oleiros, Sertã, Vila de Rei, Mação, Sardoal, Portel, Barrancos, Monchique, Portimão, Silves, Loulé e Alcoutim são os municípios mais expostos, mas mais 100 concelhos estão marcados a laranja (risco elevado) e outros a amarelo (moderado). A Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) registou ontem 52 incêndios, que foram combatidos por 687 operacionais, com o apoio de 188 veículos.

O IPMA calcula para hoje uma subida de temperaturas que pode chegar aos cinco graus, em especial no Alentejo. A previsão do tempo prevê céu pouco nublado ou limpo, apresentando períodos de maior nebulosidade no litoral a norte do Cabo Raso até ao fim da manhã. A partir da tarde, aumento de nebulosidade nas regiões Norte e Centro, em especial no interior, com possibilidade de ocorrência de aguaceiros e trovoada.

Aquele instituto pede ainda cuidados especiais à população de Coimbra, Guarda, Aveiro, Bragança, Braga, Castelo Branco, Leiria, Penhas Douradas, Porto, Portalegre, Viana do Castelo, Viseu e Vila Real particular atenção ao muito elevado risco de exposição à radiação ultravioleta (UV).

LEIA TAMBÉM

João Dinis acusa CM de Oliveira do Hospital de “negligência continuada” em estrada municipal

O membro da Assembleia de Freguesia da União de Freguesias de Ervedal e Vila Franca …

Dois detidos em flagrante em Tábua por cultivo de cannabis

O Núcleo de Investigação Criminal do Destacamento Territorial da Lousã deteve, ontem, dois homens com …