Torneio cidade de Oliveira do Hospital promoveu “festa de Hóquei Patins”

 

… pelo Pavilhão Municipal, onde se assistiu a uma verdadeira “festa de Hóquei em Patins”.

“Não realizamos este torneio para ganhar taças, mas sim para promover o convívio entre os atletas”. Este foi o espírito com que o presidente da secção de Hóquei em Patins do Futebol Clube de Oliveira do Hospital (FCOH) encerrou ontem a 11ª edição do torneio cidade de Oliveira do Hospital que, nos últimos dois dias, trouxe até ao concelho oliveirense cerca de 400 atletas, acompanhados por familiares e amigos.

Um espírito que se vem renovando desde há 11 anos, com o intuito de não cingir o torneio à mera competição, mas antes ao salutar convívio entre as várias equipas que, por todo o país, mantêm viva a modalidade que, no concelho oliveirense, envolve cerca de uma centena de jovens no conjunto de todos os escalões, com principal incidência na área da formação.

Uma realidade que – segundo Rui Monteiro – já faz da secção de Hóquei Patins do FCOH uma “referência nacional”. “Somos reconhecidos como um das melhores escolas de formação de Hóquei em Patins do país”, frisou o responsável ao correiodabeiraserra.com, notando que a secção continua, de ano para ano, a atrair cada vez mais jovens e de ambos os sexos.

Em Oliveira do Hospital, a prática da modalidade já conta com 40 anos e ganha, em cada torneio, novos adeptos. Uma realidade facilmente constatada entre os mais novos que se deixam contagiar pelos patins e que rapidamente colhem o apoio dos pais que se revelam verdadeiros entusiastas da modalidade.

É isto mesmo que acontece em cada torneio que, por esta altura do ano, é aguardado na cidade e onde os escalões de formação das várias equipas participantes aproveitam para mostrar as suas qualidades.

No 11º torneio cidade de Oliveira do Hospital, que decorreu a 26 e 27 de maio, participaram 12 equipas – OK Viseu, A. Académica de Coimbra, C.P. Beja, C. Infante de sagres, CENAP, A.D. Oeiras, S. Alenquer e Benfica, G.D. Sesimbra, G.D. Vialonga, H.C. Mealhada, H.A. Cambra, Seixal F.C – que acederam ao desafio lançado pelo FCOH. Benjamins, Escolares e Infantis foram os escalões onde se assistiu a competição entre as equipas participantes.

Em Benjamins, o FCOH conseguiu o primeiro lugar da classificação, seguido pelo CENAP, em 2º lugar, C. Infante Sagres, em 3º lugar e C.P. Beja, em 4º. Em Escolares, o C.Infante Sagres conseguiu o 1º lugar, seguido pela A.D. Oeiras, pelo FCOH e S. Alenquer e Benfica. O FCOH voltou ao primeiro lugar em Infantis, seguido pelo CENAP e G.D. Sesimbra. No escalão de Juvenis, o FCOH venceu a seleção de iniciados da Associação de Patinagem de Coimbra e em seniores também venceu o Seixal F.C. Entre os femininos, a equipa do FCOH perdeu frente à seleção de patinagem de Coimbra e venceu a H.A. Cambra.

Jogos que primaram pelo desportivismo, num torneio que merece o balanço positivo de Rui Monteiro. “Correu bem do ponto de vista desportivo e organizativo”, referiu a este diário digital o responsável que ontem, na cerimónia de entrega de prémios – contou com a presença do vice-presidente da Câmara Municipal, José Francisco Rolo e chefe de gabinete do presidente da autarquia, Artur Abreu – já desafiou as equipas envolvidas no torneio para o evento que deverá ocorrer em maio do próximo ano.

Um objetivo que Rui Monteiro espera conseguir concretizar, assim se mantenham os apoios da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital e outras entidades envolvidas.

LEIA TAMBÉM

Gouveia recebe Campeonato Mundial Trial de motos

O Parque da Senhora dos Verdes, em Gouveia, vai receber, entre os dias 23 e …

Luís Mota voltou a vencer as 100 milhas do Oh Meu Deus – Ultra Trail Serra da Estrela

O atleta Luís Mota, do Clube do Benfica de Abrantes, venceu as 100 milhas do …