Torroselo, em Seia, sem água, pelo menos, durante uma semana

Parte da aldeia de Torroselo, no concelho de Seia, está desde anteontem praticamente sem água, devido ao rebentamento das condutas de abastecimento situados na berma da EN 17. O problema, segundo a autarquia, irá levar algum tempo a ser solucionado e hoje distribuiu mesmo avisos na localidade, muitos deles colados em caixotes do lixo, a dar conta que durante uma semana, entre as 9h00 e as 17h00, será 5totalmente interrompido o fornecimento de água. Foi a forma encontrada para permitir a remodelação profunda da rede de distribuição.uma semana

O problema terá surgido há cerca de sete dias, quando parte da canalização, antiquada, rebentou. Desde essa altura a equipa de águas e saneamento da autarquia desdobrou-se em esforços para resolver o problema. Mas a resolução do problema obriga a uma intervenção mais profunda. “O que se está a passar é muito complicado de resolver porque a canalização está velha e rebenta com facilidade. Outro motivo apresentado é o facto de ali ser uma zona de grande movimento de camiões o que com a trepidação constante está a dar cabo da velha e gasta canalização”, informou um responsável do SMAS do Município de Seia ao http://torroselo.blogspot.pt/.

Os moradores garantem que desde o rebentamento da primeira conduta, o caso têm-se vindo a agravar. “Temos apenas um fio de água que não dá para tomar banho, nem ligar a máquina de lavar”, explicou ao CBS uma moradora, que se desloca aos concelhos vizinhos, Oliveira do Hospital ou Tábua, para tomar banho. “É onde tenho familiares”, explica. Outros garantem, que o problema já tem anos pois foi colocado 6pavimento novo nos passeios sem ter em atenção o estado degradado das condutas de água. “O resultado foi o previsível”, referem.

O aviso da autarquia avisa que a intervenção será feita na EN17, mas não explica que são os moradores das ruas do Monforte, 5 de Outubro, do Cântaro Magro e Av. da Beira, que vão ficar privados de água.

LEIA TAMBÉM

IP reforça meios de prevenção e limpeza de gelo e neve nas estradas da Serra da Estrela com novo Silo de Sal-gema na Guarda

A Infra-estruturas de Portugal (IP) instalou na Guarda, um novo silo de sal-gema com capacidade …

Incêndios causaram mais de 10 milhões de euros de prejuízos em Seia

Os prejuízos financeiros causados pelos incêndios dos dias 15, 16 e 17 de Outubro no …