Uma insólita invasão de javalis na cidade de Viseu

Uma ‘praga’ de javalis tem invadido todas as noites a cidade de Viseu, revela o site de Notícias ao Minuto, sublinhando que a solução poderá passar por “afugentar os animais ou eventualmente abatê-los”. A publicação cita o presidente da Junta de Freguesia de Viseu, Diamantino Santos, segundo o qual os animais têm causado grande preocupação à população.

O autarca explicou ao Noticias ao Minuto que o problema pode ser uma “consequência dos incêndios” porque “os animais perderam os alimentos no seu habitat natural e por isso vão à procura de alimento”, disse, garantindo que “está a ser articulado um esforço juntamente com o Instituto da Conservação da Natureza e das Florestas para pôr termo a um problema que preocupa os moradores”. Segundo Diamantino Santos, a solução passará “por afugentar os animais ou eventualmente abatê-los” dado o risco que representam para a população.

Ainda de acordo com o responsável, o (ICNF) “irá provavelmente entrar em contacto com a Associação de caçadores que são as pessoas entendidas e estão habituados a fazer montadas ao javali”. Informação confirmada posteriormente, ao Notícias ao Minuto, por fonte da Câmara Municipal de Viseu.

 

LEIA TAMBÉM

Corte de árvores causa um morto em Freches, Trancoso, e outros feridos na região Centro

Um homem morreu hoje, na localidade de Freches, no concelho de Trancoso, depois de ser …

Autarca de Oliveira do Hospital tem muitas dúvidas sobre a capacidade de se fazer cumprir lei de limpeza da floresta

O presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital acredita que nenhum concelho vai conseguir …

  • João Dinis, Jano

    Viv´ó Javali !
    São mesmo muito inteligentes e empreendedores estes bichos extraordinários que até conseguem sobreviver e vingar junto às comunidades humanas…desumanizadas !
    Depressa perceberam, os Javalis, que a tragédia dos incêndios foi de facto uma “coisa” excepcionalmente violenta e arrasadora. Uma avaliação que a maior parte dos nossos (des)governantes centrais não consegue – querer – perceber…
    Mas agora e ao que parece pela notícia supra, o meu (velho) Amigo e ainda Presidente da Junta de Freguesia de Viseu, pelos vistos, também não percebe os Javalis… Então os bichos procuram sobreviver – eles e as famílias – indo comer para dentro dos espaços urbanos citadinos ou não, e os ditos “humanos” vão desatar a andar aos tiros a eles ?! Não, nem é admissível nem é necessário e por muito que custe que os bichos vão arrancar e comer, por exemplo, as flores plantadas no Fontelo… Os Javalis também são vítimas dos incêndios e continuam sem ajudas para sobreviverem. E se não forem atacados directamente não atacam ninguém embora possam atravessar-se na estrada frente às viaturas que transitam. Aliás, se os alimentarem, os bichos passam a ir comer “tranquilamente” apenas mais tensos caso andem com as ninhadas ainda novitas. Afinal como faz qualquer progenitor que se preze…
    E de tão finos e inteligentes que eles são – os Javalis – aqui lhes presto singela homenagem:
    — Salvé, Dr. “Singularis Porcus” !…
    —————————————————————————————————————–
    Por:
    João Dinis, Jano

  • Sandra Barbosa

    A sério…?!
    Os desgraçados sobrevivem ao inferno dos incêndios e depois são mortos ?!
    Apenas buscam comida e a culpa disso é nossa.
    Os javalis não atacaram ninguem e o facto de revolverem os jardins da cidade não é bem um prejuízo.
    Sejam humanos para variar e imaginem o desespero e sofrimento em que esses animais estão !