“Vamos até às últimas consequências”

Mário Nogueira, presidente da FENPROF, garante que os professores estão prontos para ir “até às últimas consequências”.

Em frente à secundária Marquesa da Alorna, à hora da entrada dos professores para o exame, o líder sindical deixou um último apelo. “Se chegarem lá dentro e houver quem esteja a vigiar a prova olhem-nos em frente e façam-nos ver que o que estão a fazer é mau para todos”, disse Mário Nogueira.

Prevendo uma adesão superior a 90%, o líder da FENPROF disse que em algumas escolas “foram convocadas 300 pessoas para que 10 ou 11 vigiem a prova”.

Mais de 13 mil professores deverão fazer hoje uma contestada prova de avaliação de conhecimentos, no mesmo dia em que os sindicatos da Fenprof marcaram uma greve que, espera a organização, terá uma adesão total.

LEIA TAMBÉM

Fiscalização da GNR sobre automobilistas levou a sete detenções

Detido em Seia traficante de estupefacientes

A GNR de Seia e de Paranhos da Beira detiveram um homem de 23 anos, …

Mortes em acidente em Tábua no acesso ao IC6

Dois homens morreram hoje na sequência de uma colisão frontal entre duas viaturas ligeiras numa …