Várias centenas de pessoas resistiram ao mau tempo para acolher a Imagem de Nossa Senhora de Fátima em Oliveira do Hospital

 

40_DSF1796

Muitas centenas de fiéis resistiram ontem à chuva intensa e ao frio para receber em Oliveira do Hospital a Imagem _DCS0002 (Medium)Peregrina de Nossa Senhora de Fátima, que regressou àquela cidade depois de uma passagem em 1959. Perante uma organização, por parte da Unidade Pastoral e da Câmara Municipal, exemplar, a multidão deu as boas vindas à imagem, que chegou com quase duas horas de atraso.

_DCS0019 (Medium)Transportada em veículo próprio, a Imagem Peregrina de Nossa Senhora de Fátima chegou à cidade de Oliveira do Hospital e foi recebida pelas duas corporações de bombeiros do concelho, pelo bispo de Coimbra, os párocos e diácono do concelho, pelas irmandades do concelho, executivo municipal e escuteiros, as várias filarmónicas locais e por várias centenas de pessoas._DCS0018 (Medium)

Os fiéis após a cerimónia de recepção acompanharam a imagem de Nossa Senhora de Fátima na Eucaristia no Parque do Mandanelho presidida pelo Bispo de Coimbra e depois numa procissão de velas que percorreu as principais ruas da cidade. Durante toda a noite teve lugar uma vigília de oração na Igreja Matriz até às 7h00, seguindo-se a Eucaristia e a despedida _DCS0011 (Medium)da Imagem Peregrina que, hoje, estará no concelho de Pampilhosa da Serra, seguindo depois para Góis.

Na recepção, o pároco de Oliveira do Hospital saudou em nome do concelho Nossa Senhora de Fátima confiando-lhe as “crises familiares e económicas” das famílias, ao mesmo tempo que pedia a Maria “a _DCS0014 (Medium)sensibilidade e a delicadeza na relação com os outros”. “Ela é portadora e mensageira da felicidade e da salvação”, referiu, por seu lado, o Bispo de Coimbra, Virgílio Antunes. Já o presidente da autarquia de Oliveira do Hospital destacou a união que esta visita proporcionou entre as pessoas. “Que dê saúde a todos, que é o bem mais precioso e que proteja aqueles que o meu povo ama e aqueles que eu amo”, pediu José Carlos Alexandrino que acompanhou a imagem apesar da chuva intensa.

LEIA TAMBÉM

IP reforça meios de prevenção e limpeza de gelo e neve nas estradas da Serra da Estrela com novo Silo de Sal-gema na Guarda

A Infra-estruturas de Portugal (IP) instalou na Guarda, um novo silo de sal-gema com capacidade …

Incêndios causaram mais de 10 milhões de euros de prejuízos em Seia

Os prejuízos financeiros causados pelos incêndios dos dias 15, 16 e 17 de Outubro no …

  • Santo André

    Nunca o guarda chuva do Sr.Padre deu cobertura a tanto pecado e a tanta incompetência.
    Nossa Senhora vem “fechada” porque sabendo ela da “fé” de tantos “católicos” que não Cristãos, que ali estavam, podia perder a sua Santa Bondade, e dar uns lapadões em alguns dos falsos ditos…

  • Politicalex

    Senhor Padre: Eu psso compreender o Senhor quando confia a Nossa Senhora a resolução dos problemas económicos e familiares.Mas, como é que a nOssa SEnhora vai resolver esses problemas? Ao tempo que elea e o seu adorado filho andama nessa missão e nunca o conseguiram.Agora que ninguém lhe reza e os que rezam é para o vizinhos pensarem que sim, que estão a rezar, acha que, agora é qie a Nossa SEnhora vai fazer esse “milagre”.Quem tem condições para o fazer é a Excelentíssima Câmara.Arganil ainda agora decidiu eleiminar a taxa de 5% do IRS.Reduziu em 10 e 15% o IMI as familias com um e dois ou mais filhos, respectivamente.Ora assim, o milagre vai acontecendo e nem é preciso rezar.Como faz aquele senhor que andou debaixo do seu guarda chuva, nunca mais lá chegamos…