O vereador do Partido Socialista, José Francisco Rolo, criticou ontem a forma como a Câmara Municipal de Oliveira do Hospital dá uso ao Boletim Municipal, editado semestralmente.

Vereador do PS acusa câmara de usar Boletim para “fazer propaganda da obra feita”

Imagem vazia padrãoNa presença da mais recente edição “Estamos a construir o futuro! Feira de Oliveira do Hospital”, o eleito socialista acusou a autarquia de fazer uso daquela publicação para “divulgar as iniciativas do município e fazer propaganda da obra feita”. “Já é habitual”, observou José Francisco Rolo que – como disse – gostaria que o documento desse “cobertura às iniciativas dos diferentes órgãos municipais”.

Em reunião pública do executivo camarário, o vereador apontou ainda o dedo ao facto de no Boletim ser feita alusão a várias obras – “mais numas freguesias do quem em outras”, observou – com fotografias associadas e respectivo custo. O que Rolo não compreendeu foi o motivo pelo qual esse valor só constava em algumas obras e não em todas. “Porquê?”, questionou o vereador fazendo referência à já concluída rotunda ao empresário, ao recém-adquirido autocarro e à construção do embelezamento da rotunda de homenagem aos bombeiros e ao falecido comandante Manuel Gouveia Serra. Aproveitou também para – na sequência da requalificação que tem vindo a ser feita em alguns parques infantis da cidade – lembrar que também os parques de Lagares e Vila Franca da Beira necessitam de melhorias.

 

“Não há nada a esconder nas obras”

Embora tenha salvaguardado que “já tinha dito o que tinha que dizer sobre o assunto”, o presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital explicou que o valor da rotunda de homenagem ao empresário já foi publicado no último Boletim Municipal e que, no que respeita à rotunda em construção, o seu valor será divulgado na próxima edição do documento. Contudo, adiantou que a obra ronda os 139 mil euros. “Não há nada a esconder nas obras, foram feitos concursos e estou à vontade relativamente a esta matéria”, assegurou Mário Alves.

O presidente da autarquia justificou ainda a prevalência de mais obras em algumas freguesias, em detrimento de outras com a argumentação de que “pretende fazer a aproximação das que estão melhores com as que estão piores”. “Nessa perspectiva haverá, necessariamente, freguesias que beneficiarão de mais investimento do que outras”, sustentou.

LEIA TAMBÉM

PSD de Oliveira do Hospital considera que atribuir a Medalha de Ouro a Ana Abrunhosa “é condecorar a incompetência”

O PSD oliveirense não entende as razões que levam a Câmara Municipal de Oliveira do …

Governo aprovou mais quatro diplomas que passam competências para as autarquias e entidades intermunicipais

O Governo aprovou hoje mais quatro diplomas sectoriais da transferência de competências para autarquias e …