Vereador do PSD criticou “número político” do Seixo da Beira

 

A cerimónia que o executivo oliveirense desencadeou, no último sábado, na freguesia de Seixo da Beira para o lançamento de várias obras e atribuição de dois lotes no  Polo Industrial da Cordinha não caiu bem junto do ex-presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital.

Aproveitando o esclarecimento apresentado por José Carlos Alexandrino, em reunião pública do executivo, relativamente às forças políticas que não compareceram à cerimónia – “não me referi a vocês, referi-me a responsáveis da freguesia que tinham essa obrigação e que sempre se queixaram”, explicou o presidente da autarquia – o agora vereador do PSD criticou aquela ação, por entender que “estes números políticos já estão ultrapassados”.

“A Câmara Municipal aprova aqui obras e vai-se fazer o quê para a freguesia de Seixo da Beira se quem está a desencadear a obra é a autarquia?”, questionou Mário Alves que, nas últimas eleições autárquicas, assistiu também à derrota laranja naquela freguesia.

Manifestamente contra a ação desenvolvida pelo executivo de Alexandrino, o social-democrata defendeu ainda que “é preciso mudar a maneira de fazer política”, porque “o povo está cansado destes números políticos”.

E, a propósito do esclarecimento apresentado pelo presidente da Câmara, Mário Alves garantiu que caso tivesse sido convidado para a cerimónia, não compareceria.

Ao que Alves apelidou de “número político”, José Carlos Alexandrino preferiu chamar de “proximidade com as populações”. “É prestar contas do que se está a fazer em prol das freguesias”, defendeu o autarca eleito pelo PS, garantindo que semelhantes iniciativas decorrerão, em seguida, em Nogueira do Cravo e Aldeia das Dez e, posteriormente nas restantes freguesias.

Ainda em resposta ao reparo de Alves, o vice-presidente da autarquia, José Francisco Rolo afirmou que “o povo (de Seixo da Beira) cansou mas é do que lá não foi feito durante anos”.

LEIA TAMBÉM

SONAE (Ai – Ai …) Ou em como o “ouro” de uns é o nosso prejuízo!

CDU vê aprovado na Assembleia da União de Freguesias de Ervedal e Vila Franca da Beira voto de protesto contra falta de apoio das autoridades às vítimas dos incêndios

O eleito da CDU na Assembleia de Freguesia da União de Freguesias de Ervedal e …

Nova liderança da JSD de Oliveira do Hospital quer colocar problemas dos jovens na agenda política local

Virgílio Salvador, de 26 anos, foi eleito no domingo presidente da Juventude Social Democrata de …