Viatura “abandonada” na via pública deixa lojistas indignados (actualizada)

… Rua Professor António Ribeiro Garcia de Vasconcelos, na cidade de Oliveira do Hospital. A situação está a deixar os lojistas indignados.

“Esta carrinha já aqui está, há mais de meio ano”, referiu ao correiodabeiraserra.com a proprietária de um estabelecimento comercial que revelou saber que a viatura foi ali deixada por uma pessoa que permaneceu na cidade por apenas um curto período de tempo. “Foi-se embora e deixou cá a carrinha”, adiantou, confessando-se indignada com o facto de a viatura ali permanecer há meses, tendo inclusivamente os pneus sem ar, provavelmente furados. Para além do transtorno que a situação tem gerado naquela zona da cidade onde são por demais as queixas de falta de estacionamento, a lojista aponta também o dedo ao facto de carrinha estar a gerar mau aspecto, com evidentes sinais de abandono. A este diário digital, a lojista referiu ainda que a GNR já esteve por duas vezes no local para tentar encontrar o proprietário, mas ainda não tomou nenhuma medida em concreto. “É dever da GNR tirar daqui a carrinha”, disse indignada chegando a questionar se “não haverá dinheiro para pagar a um reboque”.

GNR garante que vai resolver a situação

Contactado pelo correiodabeiraserra.com, o sargento-mor do Destacamento Territorial da GNR da Lousã disse desconhecer a situação, mas garantiu tomar medidas de imediato. Lucénio Martins não descarta a possibilidade de se tratar de um caso de abandono, quer por razões de leasing, quer de desinteresse do proprietário pela viatura em questão.

“É óbvio que não pode acontecer isto”, disse a este diário digital, acrescentando que tal situação “pressupõe um reboque”. De acordo com Lucénio Martins, importa identificar o proprietário da viatura e notificá-la para retirar o veículo, já que se trata de uma situação de estacionamento abusivo. Perante a dificuldade de localizar o proprietário, a GNR contactará a Câmara Municipal para accionar os serviços e para encaminhar a carrinha para os locais adequados de recolha de veículos em fim de vida.

O responsável pelo Destacamento Territorial da GNR da Lousã alertou para o facto de não ser permitido o abandono das viaturas na via pública, até por uma questão ambiental. “As pessoas não podem abandonar os carros em qualquer local”, sustentou.

 

Actualização
16 de Dezembro: 14h37

Viatura foi rebocada esta manhã

Depois do alerta feito por este diário digital, a viatura que há meses ocupava um lugar de estacionamento na Praceta Manuel Cid Teles, na cidade de Oliveira do Hospital, foi esta manhã alvo de reboque. Esta possibilidade já tinha sido aventada ao correiodabeiraserra.com pelo sargento mor Lucénio Martins do Destacamento Territorial da GNR da Lousã, alertando para o facto de as pessoas não poderem abandonar os carros em qualquer local. Este diário digital lembra que os casos de abandono de viaturas na via pública devem ser comunicados à GNR, dado que se trata de uma situação de estacionamento abusivo.

LEIA TAMBÉM

Requalificação da EN 17 arrancou hoje, sete meses depois de adjudicada, e publicidade a visita de Alexandrino merece criticas de Luís Lagos

O Presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital, José Carlos Alexandrino, visitou esta manhã …

José Carlos Alexandrino quer novo mandato para cumprir 150 medidas, entre elas baixar o IMI para o mínimo

José Carlos Alexandrino apresentou ontem no Jardim Oliveira Mano, na presençado ministro do Trabalho, da …