“Violência e Comunidade Escolar: Que realidades?” é tema de debate na Biblioteca Municipal

A Comissão de Proteção de Crianças e Jovens de Oliveira do Hospital (CPCJ), em parceria com o Agrupamento de Escolas de Oliveira do Hospital (AEOH) e a Associação de Pais (APAS) promove amanhã o debate/mesa redonda “Violência e Comunidade Escolar: Que realidades?”. A iniciativa terá lugar no auditório da Biblioteca Municipal de Oliveira do Hospital, com início às 21h00.

O debate é promovido no âmbito da iniciativa “Tecer a Prevenção”, lançada em Oliveira do Hospital, no início do ano passado, pelo presidente da Comissão Nacional de Proteção das Crianças e Jovens em Risco, o juiz conselheiro Armando Leandro. “Agora que se iniciou um novo ano letivo, a comunidade escolar deve promover e participar numa reflexão sobre a forma como as condições sociais e pedagógicas podem influenciar o rendimento escolar”, refere a autarquia em comunicado.

Torna-se necessário “abrir as CPCJ à comunidade, para além da escola, criando uma rede de prevenção mais alargada e mais estruturada entre todos os parceiros que for possível envolver”, sublinha José Francisco Rolo, presidente da CPCJ de Oliveira do Hospital, acrescentando que “no atual contexto socioeconómico, a proteção das crianças e jovens e a deteção precoce de riscos é uma tarefa que a todos deve mobilizar”. “A CPCJ de Oliveira do Hospital está a fazer a sua importante parte”, sustenta.

O debate contará com um painel de oradores composto por especialistas de várias áreas: João Redondo, psiquiatra responsável pelo Serviço de Violência Familiar do Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra; João Nóbrega do Instituto de Medicina Legal, IP – Delegação do Centro; Albano Dinis, presidente do Agrupamento de Escolas de Oliveira do Hospital; e José Carlos Ferreira Alves, em representação da Guarda Nacional Republicana. A moderação estará a cargo de elementos da CPCJ, Ana Cristina Camacho, Olinda Duarte e Elisabete Lopes.

LEIA TAMBÉM

Feridos nos fogos que afectaram Oliveira do Hospital estão isentos de taxas moderadoras e têm medicamentos gratuitos

As vítimas dos incêndios de Junho e de Outubro do ano passado, que afectaram, entre …

GNR realizou ontem 40 detenções em flagrante delito, sete das quais por roubo

Dois detidos por crime de tráfico sexual em Seia

Um homem de 45 anos e uma mulher de 42 foram ontem detidos por suspeita …