Home - Outros Destaques - Nuno Moita venceu eleições para a Federação do PS de Coimbra, derrotando candidato dos oliveirenses Francisco Rolo e Carlos Maia

Nuno Moita venceu eleições para a Federação do PS de Coimbra, derrotando candidato dos oliveirenses Francisco Rolo e Carlos Maia

Nuno Moita foi eleito há poucos minutos como novo presidente da Federação do Partido Socialista de Coimbra com 1504 votos, contra 965 do seu adversário João Portugal, um concorrente que era apoiado pelo vice-presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital, Francisco Rolo. O presidente da concelhia socialista de Oliveira do Hospital, Carlos Maia, foi outro dos derrotados.

Nuno Moita é presidente da Câmara de Condeixa-a-Nova e tinha em Oliveira do Hospital o apoio de João Ramalhete O vencedor das eleições licenciou-se em Economia, em 1997, em Coimbra e é autor dos livros “Gestão de Desempenho Organizacional” e ” Contabilidade para Empresários e Gestores” é Pós-graduado em “Ciências Empresariais” e Mestre em “Gestão de Empresas”, pela Faculdade de Economia da Universidade de Coimbra.Nuno Moita contava ainda com o apoio, em Tábua, de António Vaz e em Arganil por Fernando Valle. João Portugal por seu lado tinha o apoio Ricardo Cruz e Rui Brito Pereira (Tábua) e, em Arganil, Miguel Ventura, ex-adjunto do ministro da Agricultura.

“Acredito nos partidos como base do sistema democrático e acho que também é um imperativo de vontade poder contribuir para que o meu partido de sempre possa melhorar a sua acção no distrito e a forma de se enquadrar na sociedade, em que temos de nos adaptar a uma sociedade actual, de informação, com menos intermediação do que no passado”, referia o agora presidente da Federação do Partido Socialista de Coimbra quando decidiu entrar na corrida.

LEIA TAMBÉM

Incêndio lavra em Meruge e mobiliza mais de 130 bombeiros

Um incêndio na freguesia de Meruge, concelho de Oliveira do Hospital, mobiliza, neste momento, 131 …

Francisco Rodrigues: “Não sou de me esconder perante qualquer desafio que me seja colocado”

Francisco Rodrigues, a quem o presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital, retirou a …