Home - Últimas - MAAVIM diz que o Governo gasta milhões na “Liga dos Campeões” e esquece os lesados dos incêndios de 2017

MAAVIM diz que o Governo gasta milhões na “Liga dos Campeões” e esquece os lesados dos incêndios de 2017

O Movimento Associativo Apoio Vítimas Incêndio Midões (MAAVIM) acusa o Governo de gastar milhões para realizar uma prova de futebol em Lisboa, a fase final da Liga dos Campeões, mas esquece os lesados dos incêndios de Outubro de 2017 e que ainda não receberam a ajuda que lhes foi prometida. Em comunicado, a MAAVIM diz não entender quais as prioridades no nosso país.

“A MAAVIM continua a reivindicar ajudas para os lesados que nunca chegaram e já passaram 34 meses após o fatídico dia de 15 de Outubro de 2017”, refere aquele movimento, criticando depois as opções do Governo. “Quando vivemos uma época de pandemia e são gastos milhões para ter uma prova de futebol, mas são esquecidos os lesados dos Incêndios de outubro de 2017, aos quais foi prometida e decretada por lei ajuda… Não sabemos qual é a prioridade no nosso país…”, frisa.

O movimento assegura que ainda existem milhares de Agricultores que nunca receberam ajudas, centenas de empresas, especialmente na área florestal, que não tveram qualquer apoio e levaram muitas famílias a ficar sem posto de trabalho. “Há dezenas de famílias que nunca receberam apoio para a sua habitação, mesmo depois de tantas promessas; Crianças sem casa e que ficaram sem escola; até as casas de primeira habitação ainda estão por concluir e as de segunda habitação não existem…”, continua, sublinhando que as contas solidárias criadas na altura, “de solidário só têm o nome e muitas falsas promessas”. E terminam referindo que continuam a não existir “culpados”. “Nós não somos culpados, somos vítimas”, rematam.

LEIA TAMBÉM

Semana europeia da mobilidade assinalada com ciclismo nas escolas de Seia

O Município de Seia, a propósito da Semana Europeia da Mobilidade, e operacionalizada pela Associação …

Município de Gouveia assegura transportes escolares durante greve rodoviária

O Município de Gouveia está a assegurar o transporte escolar, devido à greve dos transportes, …