Home - Outros Destaques - Oliveira do Hospital e Celorico da Beira duplicam número de mortos em Janeiro quando comparado com o mesmo período nos anos de 2015 a 2019

Oliveira do Hospital e Celorico da Beira duplicam número de mortos em Janeiro quando comparado com o mesmo período nos anos de 2015 a 2019

O número de mortos entre 4 e 31 de Janeiro de 2021 foi 1,98 vezes acima da média para o mesmo período nos anos de 2015 a 2019 em Oliveira do Hospital, segundo os dados divulgados ontem pelo Instituto Nacional de Estatística (INE). Mas na região, Góis foi o que teve o pior registo ao quadriplicar (4,07) o número de óbitos e Celorico da Beira duplicou o número de mortos ao chegar aos 2,06, juntamente com Almeida (2,03), Fornos de Algodres (2,80), Pinhel (2,46) e Mêda (2,5). O único concelho desta região que baixou o número de óbitos foi o Sabugal que teve apenas 0,98.

Seia teve um  aumento mais moderado (1,5), tal como Gouveia (1,13) e Guarda (1,18). O concelho de Tábua teve uma subida para 1,49 e Arganil somou mais para 1,73. Santa Comba dão pareaticamente viu também o número de óbitos duplicar nesta comparação ao atingir 1,99  entre 4 e 31 de Janeiro quando comparado com o mesmo período de de 2015 a 2019. Nelas aumentou para 1,71, Mangualde teve o registo de 1,46 e Carregal do Sal ficou-se por 1,79.

Baixar quadro completo aqui.

LEIA TAMBÉM

Dois novos casos de COVID-19 e pacientes descem para 12

O número de casos activos de COVID-19 em Oliveira do Hospital baixou para 12, apesar …

Fernando Tavares Pereira assegura que José Carlos Alexandrino “mente” no processo do posto de combustível do Chão da Bispa e mostra documentos

Fernando Tavares Pereira acusa Alexandrino de “mentir” no processo do posto de combustível, sublinhando que …