Home - Politica - CDS de Oliveira do Hospital considera notícia do IC6 como a “clássica cartada eleitoral” do PS para “ludibriar os oliveirenses”

CDS de Oliveira do Hospital considera notícia do IC6 como a “clássica cartada eleitoral” do PS para “ludibriar os oliveirenses”

O CDS de Oliveira do Hospital considera que a notícia sobre o prolongamento do IC6 é a “já clássica cartada eleitoral dos últimos oito anos”, do Partido Socialista, “para ludibriar os oliveirenses mais incautos” próximo dos actos eleitorais. Os centristas consideram que não épor acaso que esta notícia surge precisamente no momento do “anúncio extemporâneo” por parte “do presidente concelhio do PS” dos candidatos socialistas à Câmara Municipal oliveirense.

“Numa  rápida visita ao Diário da República, podemos constatar que o anúncio para a abertura do  concurso para a execução do projecto referente ao IC6 dá-se, precisamente, no dia 5 de  Fevereiro, sexta-feira da passada semana, último dia útil antes do anúncio público – ou  atropelo democrático, leia-se como entender – do PS relativamente às próximas eleições  autárquicas. Coincidência? Não cremos, já vem sendo recorrente a mesma conversa ao longo dos anos e o CDS-PP não compactua com estas manobras eleitoralmente ambíguas. Fica, novamente, a pergunta: É esta a democracia que queremos para Oliveira do  Hospital?”, questionam, respondendo logo de seguida: “Entendemos que não, e é dever do CDS-PP alertar para novo logro socialista”. 

Enfatizando que em véspera de acto eleitoral, “os tacticismos do PS oliveirense  abundam novamente”, os centristas enfatizam que os socialistas se “congratulam com mais um projecto que avança, curiosamente, tal como todos os outros”. “Resta esclarecer a todos os Oliveirense que aquilo que está em questão é, apenas, a elaboração de um projecto de execução, podendo depois ser levado do papel para a realidade do alcatrão  ou, como parece ser novamente o cenário mais provável tendo em conta o histórico de  estudos e projectos já elaborados, ficar na gaveta- sobretudo tendo em conta o contexto  pandémico e crise económica que já se faz sentir”, acusam. 

Os centristas fazem questão de lembrar “que projectos deste tipo já  existem desde os tempos dos governos do engenheiro José Sócrates. “Na altura com muitas  promessas no cartório de um destacado militante socialista deste concelho e membro desse mesmo Governo”, dizem numa referência a Paulo Campos. “Assim, urge perguntar ao Partido Socialista: se novamente se  verificar que tal projecto não passa de areia para os olhos de todos oliveirenses que sofrem diariamente com sua interioridade, quem se responsabiliza? O actual presidente da  câmara e candidato à Assembleia Municipal? O vereador e candidato José Francisco  Rolo? O Governo socialista?”, questionam, assegurando que o CDS-PP estará, “sempre atento, em nome da verdade  e da transparência à espera de cabal resposta”.  

LEIA TAMBÉM

Ramalhete

CM de Oliveira do Hospital assina contrato de três anos com advogada do escritório do socialista João Ramalhete

A Câmara Municipal de Oliveira do Hospital assinou um contrato no valor de 72 mil …

PSD e CDS apresentam coligação autárquica que pretende “preparar um futuro promissor para o concelho de Oliveira do Hospital”

O PSD e o CDS/PP apresentaram ontem formalmente a coligação entre os dois partidos que …