Home - Sem categoria - “A mentira tem um tamanho maior que a Serra da Estrela… e o desenvolvimento passa-nos ao lado”

“A mentira tem um tamanho maior que a Serra da Estrela… e o desenvolvimento passa-nos ao lado”

“A mentira tem um tamanho maior que a Serra da Estrela… e o desenvolvimento passa-nos ao lado”O concelho de Oliveira do Hospital não se tem desenvolvido como outros. Por falta das acessibilidades e da ausência de empenho deste e de outros autarcas que por lá têm passado, não acompanhou o ritmo de progresso, como por exemplo: o de Cantanhede ou o do Fundão [a CM do Fundão acaba de anunciar o investimento superior a 4 milhões de euros, no âmbito do Portugal 2020, para a construção do Centro de Acolhimento de Empresas Tecnológicas que poderá criar mais 900 novos postos de trabalho qualificados, inserido na estratégia delineada em 2013]. Ambos conseguiram promover e atrair empresas de novas tecnologias, desenvolver a agricultura, a floresta e a indústria.

Por cá, nada disto acontece. Quem conheceu o município de Oliveira do Hospital há três décadas e o conhece nos dias de hoje, verifica, facilmente e com amargura, que praticamente parou no tempo. Isto porque as malfadadas promessas dos ICs foram, em minha opinião, projectos que nunca receberam do município de Oliveira do Hospital e dos outros concelhos servidos pela Estrada Nacional 17, o devido empenho para que tudo fosse resolvido. Faltou-lhes coragem. Faltou-lhes união para que, todos juntos, tivessem exigido dos diversos governos os acessos que, como tenho recordado insistentemente, nos foram prometidos inúmeras vezes. Só que a mentira tem um tamanho maior que a Serra da Estrela.

Podemos dizer que o desenvolvimento nas últimas dezenas de anos nos está a passar literalmente ao lado. E enquanto não houver medidas duras, não poderemos dizer que esta região tem, ou teve, políticos competentes para exigir um direito que já devia ter sido concretizado há décadas.

Autor: Fernando Tavares Pereira

  • Como nos estamos em Agosto, interrompo até ao final deste mês a minha colaboração com e

LEIA TAMBÉM

“Esta é uma pista de pesca fantástica, com enorme potencial e não está a ser aproveitada para o desenvolvimento do concelho”

Nuno Santos, 44 anos, não consegue passar sem a pesca desportiva. Um gosto que lhe …

O bikini faz 75 anos…

A data de 5 de Julho de 1945 é marcante: o bikini é lançado em …