Home - Outros Destaques - Aprovada a incorporação da Caixa de Crédito Agrícola de Oliveira do Hospital na sua homónima da Serra da Estrela, com sede em Seia

Aprovada a incorporação da Caixa de Crédito Agrícola de Oliveira do Hospital na sua homónima da Serra da Estrela, com sede em Seia

A Caixa de Crédito Agrícola Mútuo de Oliveira do Hospital vai ser integrada por incorporação na sua homónima da Serra da Estrela, com sede em Seia. A decisão foi tomada numa assembleia geral de sócios que decorreu hoje durante a tarde, com a proposta a ser aprovada por mais de dois terços dos votos expressos. O actual presidente da Câmara de Oliveira do Hospital e futuro candidato à Assembleia Municipal pelo PS, José Carlos Alexandrino, terá garantido já a indigitação para a presidência da Assembleia Geral da nova instituição.

“Com esta decisão a Caixa Agrícola Mútuo de Oliveira do Hospital é de facto extinta formalmente e na prática”, explicou um associado ao CBS, frisando que “até os impostos da nova instituição serão pagos em Seia e não em Oliveira do Hospital que passa a ser uma mera delegação”.

A maioria dos associados, porém, votou de forma esmagadora a favor da incorporação, tendo existido apenas cinco votos contra, três abstenções e quase meia centena de votos favoráveis. Ainda assim, houve quem tivesse dito que “o concelho de Oliveira do Hospital perde assim mais uma valência emblemática”.

A Assembleia Geral mandatou desde já alguns dos actuais dirigentes para conduzirem o processo de integração, já que agora o processo vai decorrer rumo à incorporação do património, trabalhadores e sócios da CCA de Oliveira de Hospital na da Serra da Estrela.

LEIA TAMBÉM

CM de Oliveira do Hospital aprova orçamento de 34 milhões, oposição classifica-o de irrealista e incapaz de ir além de uma execução de 50 por cento

A Câmara Municipal de Oliveira do Hospital aprovou, por maioria, em reunião extraordinária, no dia …

Requalificação do Açude da Ribeira recebe mais de 375 mil euros do programa Centro 2020 que aprovou “100 milhões de euros para áreas prioritárias para os cidadãos” 

O Programa Operacional Centro 2020 “aprovou 100 milhões de euros para projectos de qualificação dos …