Home - Sem categoria - Acidente na auto-estrada A25, em Celorico da Beira, causou um morto e sete feridos

Acidente na auto-estrada A25, em Celorico da Beira, causou um morto e sete feridos

A auto-estrada A25 esteve encerrada num dos sentidos, depois de um acidente que ocorreu pelas 15h21, em Celorico da Beira, e que causou um morto e sete feridos. “Depois dos trabalhos de limpeza da via, a auto-estrada A25 [Vilar Formoso – Aveiro] no sentido Celorico da Beira – Guarda foi reaberta às 21h50”, disse a GNR.

A via esteve interdita à circulação rodoviária entre as 15h21 e as 21h50, entre os nós de Celorico da Beira e de Ratoeira, da A25, no sentido Celorico da Beira-Guarda, tendo o trânsito sido desviado pela Estrada Nacional 16 e pela variante da vila de Celorico da Beira.

O acidente ocorreu pelas 15h21, na zona de Ratoeira, próximo da área de serviço de Celorico da Beira da auto-estrada A25, no sentido Celorico da Beira – Guarda, e causou um morto e sete feridos, dois graves e cinco ligeiros, devido à colisão entre um veículo pesado de mercadorias e duas carrinhas “que estavam a sinalizar obras de pavimentação da via”, indicou.

Uma pessoa morreu em consequência do acidente, um ferido grave foi transportado para o hospital de Viseu e outro para o hospital da Guarda, para onde foram também encaminhados os cinco feridos ligeiros. Estiveram no local um helicóptero do INEM e duas viaturas VMER-Viatura Médica de Emergência e Reanimação, uma da Guarda e outra de Viseu, segundo o CDOS.

Ao acidente acorreram ainda um total de 47 homens e 17 viaturas dos Bombeiros Voluntários de Celorico da Beira, Guarda e Fornos de Algodres, e da GNR. As causas do acidente estão a ser investigadas por elementos do Núcleo de Investigação de Crimes de Acidentes de Viação (NICAV) do Destacamento de Trânsito da GNR da Guarda.

 

LEIA TAMBÉM

Governo proíbe deslocações entre concelhos no fim de semana de 1 a 3 de Maio

O Governo vai decretar a proibição de deslocações entre concelhos no fim de semana prolongado …

Espanha volta a devolver testes rápidos com defeito à china e quer reembolso

Depois de ter comprado mais de 600 mil testes com defeito à China, o governo …