Home - Últimas - Autoridades de Nelas desconhecem localização de infectados com COVID-19 colocados “digitalmente” no concelho pelas autoridades de saúde

Autoridades de Nelas desconhecem localização de infectados com COVID-19 colocados “digitalmente” no concelho pelas autoridades de saúde

A Câmara Municipal de Nelas acusou hoje as autoridades de Saúde de terem colocado três casos de diagnóstico de COVID-19 positivo,  todos eles diagnosticados e provindos da Área Metropolitana de Lisboa, nos dados estatísticos do Município de Nelas, quando se trata alegadamente de pessoas que se mudaram para o este concelho para cumprirem o tratamento e período de confinamento obrigatório. As autoridades locais não têm, de resto, muitos pormenores e lançaram mesmo um apelo à população para ter mais cuidado, porque a Protecção Civil local desconhece a identidade e localização dos infectados.
.
“Apela-se a toda a população que pratique o mais rigoroso cumprimento de auto-protecção no espaço e instalações públicas ou de utilização pública, como os espaços comerciais, como o uso de máscara, desinfecção e regular  lavagem das mãos, bem como a manutenção dos distanciamento social”, refere um alerta da autarquia. O presidente da autarquia José Borges da Silva diz que apenas lhe foi comunicado telefonicamente, sem outros pormenores, que estes casos estavam a ser acompanhados pelas autoridades de saúde e policiais competentes-
.
As autoridades do concelho de Nelas já apresentaram protesto junto das autoridades de saúde pública sobre este caso, mas segundo o presidente da autarquia, José Borges da Silva, de nada adiantou.  “De nada valeram os argumentos de que isso constituiria um alarme desnecessário à população e até uma desvalorização do excelente trabalho que todos os agentes locais de protecção civil (Câmara, Bombeiros, GNR) e Unidades de Saúde e IPSS e outras entidades, e essa mesma população vêm desenvolvendo no sentido de evitarem comportamentos de risco que causem qualquer caso positivo, que já não ocorria desde final de Maio”, explica o autarca, frisando que pelo que tem conhecimento aqueles caos não deveriam fazer parte das estatísticas de Nelas.
.
“Os três casos não deviam, para este efeito, estar relacionados ao Concelho, dois porque não têm sequer aqui a sua residência, mas a dos seus familiares onde se alojaram para tratamento e outro porque foi diagnosticado no aeroporto de Lisboa no regresso de um país africano onde residia em trabalho”, sublinha o presidente da autarquia.
.
Desejando que as pessoas doentes tenham rápida recuperação (podendo contactar os Serviços Sociais e de Protecção Civil do Município em caso de necessidade para todo o auxílio que necessitarem – contactos esse disponíveis no Site “Município de Nelas”), o presidente da autarquia diz que não podia deixar de comunicar a toda a população do Concelho de Nelas que existem no município neste momento três casos de cidadãos diagnosticados com COVID-19 positivos.

LEIA TAMBÉM

PS

Candidato do PS à CM de Tábua declina debate na rádio com Fernando Tavares Pereira

O líder da candidatura do PS à Câmara Municipal de Tábua, Ricardo Cruz, declinou o …

Despiste em Manteigas causa dois feridos graves

O despiste de uma viatura ligeira em Sameiro, no concelho de Manteigas, provocou dois feridos …