Home - Últimas - Casos da COVID-19 disparam na Guarda, com 38 casos numa semana, e 40 na área da ULS

Casos da COVID-19 disparam na Guarda, com 38 casos numa semana, e 40 na área da ULS

A área da ULS da Guarda somou mais 40 novos casos da COVID-19 na última semana e soma já um total de 287, liderado pelo concelho da Guarda que teve uma explosão de 38 novos casos. Celorico da Beira, mais um (9), e Pinhel que também conheceu mais um novo infectado (34), foram os restantes municípios afectados esta semana.

O surto de Covid-19 na Guarda prende-se com uma festa organizada por alunos do Instituto Politécnico da Guarda que já fez 23 infectados. Nenhum dos jovens inspira cuidados especiais. O Ministério Publico abriu um inquérito e a festa de aniversário está agora a ser investigada pelas autoridades. Pode estar em causa o crime de propagação de doença. Além dos ajuntamentos com mais de 10 pessoas serem proibidos, não terá havido cuidados mínimos de protecção individual, como máscara ou distanciamento social.

Neste momento permanecem internados seis pacientes e nenhum deles está nos cuidados intensivos. A área da ULS da Guarda já conta com 16 óbitos e 226 casos recuperados. A distribuição do total acumulado de pacientes com COVID-19 por concelho é a seguinte: Almeida (9), Celorico da Beira (9) +1, Figueira de Castelo Rodrigo (2), Fornos de Algodres (5), Gouveia (24), Guarda (67)+38, Manteigas (7), Mêda (0), Pinhel (34)+1, Sabugal (2), Seia (14), Trancoso (22) e Vila Nova de Foz Côa (92).

LEIA TAMBÉM

Incêndios destruíram mais 500 hectares em Seia

Pessoas idosas retiradas de algumas aldeias de Sernancelhe, Viseu, devido a incêndio

Mais de 300 operacionais combatiam às 18h45 de hoje o incêndio de Sernancelhe, distrito de …

Incêndios destruíram mais 500 hectares em Seia

Incêndio no Sabugal tem três frentes activas, mas não há localidades em risco

O incêndio que deflagrou hoje numa zona de mato em Santo Estêvão e Moita, no …