Home - Últimas - CM da Guarda impede Magusto da Velha na Aldeia Viçosa devido à COVID-19

CM da Guarda impede Magusto da Velha na Aldeia Viçosa devido à COVID-19

O madeiro de Natal da Guarda e o Magusto da Velha, em Aldeia Viçosa, não vão realizar-se, segundo uma decisão da Câmara Municipal da Guarda, que justifica a decisão com o risco de transmissão que é actualmente extremamente elevado no concelho da Guarda. A Saúde Pública desaconselhou fortemente o seu licenciamento, depois de um pedido de parecer por parte da autarquia.

A comissão municipal de protecção civil concluiu, por unanimidade, “ser imprudente” o licenciamento dos tradicionais madeiros de Natal, porque proporcionam “a aglomeração de pessoas, o que é altamente contraproducente.” Por isso, o presidente da Câmara da Guarda, Sérgio Costa, determinou que “não será emitida qualquer licença para a realização de madeiro de Natal, bem como do tradicional Magusto da Velha, em Aldeia Viçosa.

A autarquia da Guarda já tinha activado o Plano Municipal de Emergência, que cancelou a festa de Fim de Ano e que adiou concertos agendados para recintos fechados, mantendo-se somente as actividades ao ar livre. O presidente da Câmara explicou que, “com base na activação do plano” eram adiados os concertos de Natal que estavam previstos para as igrejas das aldeias, freguesias e cidade.

O espectáculo das Janeiras e a festa da passagem de ano, com reagendamento do concerto previsto para data a anunciar, também foram cancelado. “A única coisa que se mantém é o lançamento do fogo de artifício, a partir da Torre de Menagem, porque será visível por todas as pessoas a partir de sua casa e assim assinalamos o dia”, destacou Sérgio Costa.

 

LEIA TAMBÉM

Candidatos a deputados do PS por Coimbra e de Viseu visitam IP3 em Penacova

Os candidatos a Deputados do PS à Assembleia da República pelos círculos eleitorais de Coimbra …

“Apelo a compromisso público para ser travado o processo dos projetos em curso de mineração, designadamente de Lítio”

Um conjunto de organizações decidiram escrever uma carta aberta aos partidos políticos e aos candidatos …