Home - Região - Oliveira do Hospital - Coligação PSD/CDS soma vitória muito acima da média nacional em Oliveira do Hospital, PS subiu apenas 254 votos em relação a 2011

Coligação PSD/CDS soma vitória muito acima da média nacional em Oliveira do Hospital, PS subiu apenas 254 votos em relação a 2011

A Coligação Portugal à Frente (PSD/CDS) venceu as eleições legislativas e conseguiu em Oliveira do Hospital uma média muito superior àquela que arrecadou a nível nacional. Os dois partidos que governaram nos últimos quatro anos conseguiram 36,83 por cento dos votos a nível nacional, mas em Oliveira do Hospital disparam para os 47,13 por cento. O PS também conseguiu subir ligeiramente em relação à média nacional, mas apenas de 32,28 para 34,37 por cento. O Bloco de Esquerda foi a terceira força mais apreciada pelos oliveirenses (6,17), relegando a CDU para a quarta posição (3,21).

concelhoO PS de Oliveira do Hospital esteve distante de conseguir contrariar o seu adversário directo. A Coligação Portugal à frente conseguiu 5137 e perdeu em relação às últimas legislativas, quando comparado com a totalidade dos votos conseguidos, na altura, pelo PSD e CDS, um total de 1259 eleitores. O PS, porém, acabou por beneficiar muito pouco com esta quebra e ganhou apenas mais 254 votos, ficando com um total de 34,37 por cento, ou seja 3746 votos. O Bloco de Esquerda foi em Oliveira do Hospital, tal como a nível nacional uma surpresa e 6,17 por cento dos votos (672) passando a constituir-se como a terceira força política local, relegando a CDU, no concelho, para a quarta posição, com 3,21 por cento correspondente a 350 votos. Em termos de freguesias, apenas duas (Alvôco de Várzeas e Lagares da Beira) das 16 que constituem o concelho ofereceram a vitória ao PS que actualmente lidera a Câmara Municipal de Oliveira do Hospital.

PSD vencia mesmo sem coligação

“É um bom sintoma da vitalidade no concelho. É um resultado histórico pela conjuntura que atravessamos, é um bom sinal do futuro do PSD e da coligação no concelho”, referiu o líder da concelhia do PSD Nuno Vilafanha, enquanto Nuno Alves, líder concelhio do CDS-PP, em declarações à Rádio Boa Nova, considerava que esta vitória da coligação poderá já antever uma mudança nas próximas eleições autárquicas no concelho.

O presidente da Comissão Política Concelhia do PS, Carlos Maia, era um homem algo desanimado. E considerou que o resultado também decorre do facto de o seu partido ter concorrido só contra uma aliança. “Concorremos contra uma coligação e o resultado é somatório das duas forças. Se fossem isoladamente seria um cenário diferente e o PS tinha ganho estas eleições”, referiu. Mas os números mesmo assim contrariam a vontade deste responsável socialista. Mesmo sem os 972 votos conseguidos nas últimas legislativas pelo CDS/PP, o PSD venceria no concelho com 419 votos de vantagem.

 

As 16 Freguesias

Aldeia das Dez – Vitória da Coligação com 52,32 por cento

Vitória da Coligação com 52,32 por cento dos votos (158), contra uma média de 32,45 por cento do PS que arrecadou 98 eleitores, ou seja, o PSD e CDS somaram mais 60 votos que os socialistas. Quando comparado com as anteriores legislativas a Coligação perdeu 33 votos, precisamente o número que tinha sido conquistado pelo CDS, e o PS subiu 28 votos.

Aldeia das Dez

 

Alvoco das Várzeas – Vitória do PS com 55,84 por cento

Uma das duas únicas freguesias do concelho em que os socialistas conseguiram vencer. O PS perdeu um voto em relação a 2011 nesta freguesia, mas repetiu a vitória com 110 votos, contra 59 da Coligação que viu fugir-lhe 11 eleitores. Quem mais capitalizou foi o Bloco de esquerda que duplicou o numero de votantes, passando de cinco para 11.

Alvoco das Várzeas

 

Avô – Vitória da Coligação com 49,47 por cento

A Coligação perdeu nesta freguesia 35 votos, mas ainda assim ganhou com uma margem confortável de 37 votos sobre o PS (141 contra 104). Os socialista subiram apenas seis votos.

AVÕ

Bobadela – Vitória da Coligação com 49,47 por cento

A quebra de 63 votos não causou grandes danos à Coligação que nesta Freguesia repetiu a vitória por uma margem de 49 votos de vantagem sobre o PS (170 contra 121). Os socialistas tiveram mais 16 eleitores que em 2011. A surpresa foi o bloco que subiu de forma expressiva. Somou mais 27 votos que nas anteriores legislativas, ficando-se num total de 34.

Bobadela

 

Lagares da Beira – Vitória do PS com 45,36 por cento

O PS perdeu dois votos em Lagares da Beira mas voltou a derrotar o PSD/CDS, que teve menos 60 votos que nas anteriores legislativas. O PS angariou 332 votos, contra 270 da Coligação. A surpresa voltou  a ser o Bloco que passou de 12 para 42 eleitores.

Lagares

Lourosa – Vitória da Coligação com 47,46 por cento

Uma vitória da coligação com uma vantagem de 43 votos sobre o PS (140 contra 97). O PS subiu 26 votos e a Coligação desceu 53. O Bloco também aqui mais que duplicou a sua votação.

Lourosa

 

Meruge Vitória da Coligação por apenas um voto

Foi provavelmente a mesa onde os votos tiveram de ser contados com mais cautela. A Coligação venceu, mas apenas por um voto (116 contra 115 do PS). Por aqui, a CDU manteve a terceira posição.

Meruge

 

Nogueira do Cravo – Vitória da Coligação com estrondo

A Coligação perdeu mais de uma centena de votos nesta freguesia, mas mesmo assim o PS não evitou uma derrota estrondosa ao permitir uma vantagem de 290 votos ao PSD/CDS. Apesar da queda brusca da coligação só 26 votos foram transferidos para os socialistas.

Nogueira do Cravo

 

São Gião – Vitória da Coligação por 50 votos

Apesar de perder algum terreno a Coligação manteve uma vantagem confortável. Somou 130 votos contra 80 do PS.

São Gião

 

Seixo da Beira – Coligação esmagou o PS

Seixo da Beira foi das poucas freguesias onde o PS conseguiu perder votos (6) em relação às últimas legislativas. A vitória da Coligação foi estrondosa, ao garantir uma vantagem 293 votos sobre os socialistas (453 contra 160).

Seixo

 

Travanca de Lagos – Coligação vence e PS perde votos

Uma vantagem de 93 votos sobre os socialistas permitiu à Coligação voltar a vencer em Travanca de Lagos. Curiosamente, o PS não conseguiu capitalizar alguns descontentamento em relação aos últimos quatro anos de governação e acabou por perder quatro votos.

Travanca de Lagos

União das Freguesias de Ervedal e Vila Franca da Beira – Os nove votos da vitória da Coligação       

Pela primeira vez as Ervedal e Vila Franca da Beira votaram em conjunto. O resultado foi uma vitoria da Coligação por apenas nove votos. A CDU foi a terceira força política.

ervedal

 

União das Freguesias de Lagos da Beira e Lageosa – Uma vitória a Coligação  por oito votos

Aqui, os dois partidos do arco da governação perderam votos. De forma mais expressiva a Coligação, que ainda assim venceu com 311 votos contra 303 do PS. O Bloco foi a força partidária que registou uma subida enorme, passando de 16 para 48 votos.

União das Freguesias de Lagos da Beira e Lageosa

 

União das Freguesias de Oliveira do Hospital e São Paio de Gramaços – Coligação cai, mas segura vitória confortável

O PS subiu, a Coligação desceu. Mas ainda assim os socialistas ficaram muito longe de conseguirem roubar a vitória aos dois partidos que governaram nos últimos quatro anos. O PSD e CDS conseguiram 1386 votos contra 1025 do PS. Mais uma vez o Bloco de esquerda regista nesta zona uma forte subida passando de 107 votos para 213.

OLiveira do Hospital e São Paio de Gramaços

 

União das Freguesias de Penalva de Alva e São Sebastião da Feira – Vitória da Coligação numa Freguesia onde PS também perdeu votos

Uma vantagem de 82 votos ofereceu a vitória à Coligação (318 contra 236 do PS), numa freguesia onde os partidos do Governo perderam votos e onde o PS também acompanhou essa tendência. O bloco de Esquerda voltou a ser o partido que percentualmente mais subiu, passando de 11 para 36 votos.

Penalva de Alva e São Sebastião da Beira

 


União das Freguesias de Santa Ovaia e Vila Pouca da Beira – Vitória da Coligação por 52,9 por cento

Também aqui a Coligação e o PS perderam votos. A coligação, ainda assim, repetiu a vitória de forma significativa ao arrecadar 246 votos contra 118 do PS. O Bloco de Esquerda duplicou o número de votos.

União de Freguesias de Santa Ovaia e Vila Pouca da Beira

LEIA TAMBÉM

Sandra Fidalgo assumiu a liderança do PSD de Oliveira do Hospital e Mário Alves é o presidente da Mesa da Assembleia

Sandra Andrade Fidalgo tomou ontem posse como a nova presidente da Concelhia do PSD de …

José Carlos Alexandrino incorre numa pena até dois anos de prisão, segundo a CNE

O ex-presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital volta a ser alvo de reprimendas …