Home - Arquivo - COVID-19, 3 de Abril (o dia em que Espanha atinge o período do pico). Autor: Carlos Antunes

COVID-19, 3 de Abril (o dia em que Espanha atinge o período do pico). Autor: Carlos Antunes

Com o terceiro dia consecutivo na casa dos 800 novos casos (crescimento diário na ordem dos 10%), a Covid-19 aparenta alguma estabilidade. Contudo, é necessário alguma prudência e esperar mais uns dias para confirmar os números e a tendência da evolução epidémica em Portugal. Com a taxa média diária a atingir os 16%, o método indica o alcance do pico no período entre 5 e 12 de Abril. A confirmarem-se estas projecções, estamos perto de passar pela maior evolução diária de novos infectados confirmados.

Fazendo uma análise comparativa da incidência da Covid-19 (também designada por taxa de ataque, aqui definida por nº infectados/ milhão de habitantes) entre 10 países europeus, constata-se que no dia 34 da epidemia de cada país, Portugal se encontra com 970 casos por milhão de habitantes, ligeiramente abaixo da média destes 10 países (de 1022 casos). Muito abaixo da Espanha e da Suíça, e abaixo de países como a Áustria, a Itália e a Bélgica. Apenas a Holanda, a Alemanha, o Reino Unido e a França apresentam incidências da Covid-19 mais baixas que Portugal.

Já no que toca à letalidade, no mesmo dia 19 em que Portugal se encontra desde a 1ª morte confirmada, a coisa muda um pouco. Se considerarmos a letalidade por nº de mortes/milhão de habitantes, Portugal começou muito mal, mas desde há 2 dias que passámos a ficar abaixo da Espanha e da Bélgica (o que apresenta maior letalidade), com 24 mortes por milhão de habitantes, mas ainda acima da média dos 10 países (de 15.5). Mas se considerarmos a letalidade pela %mortes/nº de infectados, então estamos abaixo da média com apenas 2.5%, apenas acima da França, Alemanha e Suíça.
Nenhum destes números são bons, apenas se fossem todos nulos, mas em termos comparativos estamos indo bem. É preciso continuar nesta linha, e se for possível apertar um pouco mais.

Deixo aqui a análise gráfica para Espanha, que estará a alcançar o pico, e da Suíça e Áustria que já terão passado pelo pico. A França será o próximo país a ultrapassar a China em número total de infectados, daqui a 4 dias.

Autor: Carlos Antunes

LEIA TAMBÉM

COVID-19, dia 11 de Abril. Autor: Carlos Antunes.

Apesar das oscilações a que já nos habituámos, a tendência de diminuição de casos infectados …

COVID-19, dia 10 de Abril (no reason to worry about). Autor: Carlos Antunes

Certamente, todos hoje se questionam sobre o número de casos confirmados e sobre se passámos …