Home - Últimas - Detido padre de Foz Côa suspeito de abusar sexualmente de homem incapaz que estava a seu cargo

Detido padre de Foz Côa suspeito de abusar sexualmente de homem incapaz que estava a seu cargo

A Polícia Judiciária (PJ) deteve o padre de Foz Côa ​​​​​por estar fortemente indiciado pela prática dos crimes de tráfico de pessoas e abuso sexual de um homem de 44 anos de idade incapaz de resistência. O detido não tem antecedentes criminais e vai ser presente à autoridade jurídica competente para primeiro interrogatório judicial e aplicação de adequadas medidas de coacção.

A PJ explica que o arguido foi nomeado tutor da vítima por um tribunal, em 2017, tendo-a acolhido na sua casa, oferecendo-lhe trabalho em troca de alojamento e alimentação, sem qualquer outro pagamento.

Ter-se-á aproveitado das incapacidades psíquicas e da especial vulnerabilidade da vítima para lhe exigir serviços sexuais, fechando-o em casa e vedando-lhe qualquer contacto com o exterior quando recusava aceder aos seus propósitos. A vítima terá contado o caso a familiares, o que terá despoletado a investigação.

A vítima vai ser instalada num centro de acolhimento e protecção especializado para vítimas de tráfico de seres humanos.

LEIA TAMBÉM

O regresso da chuva forte e trovoadas

A chuva, por vezes forte e acompanhada de trovoadas, vai voltar a todo o país …

Município de Figueira de Castelo Rodrigo investe 550 mil euros em seguro de saúde renovado e mais abrangente para os munícipes

A CM de Figueira de Castelo Rodrigo renovou e reforçou os serviços do “Seguro de …