Home - Destaques - “Empreender +” quer continuar a criar empresas em Oliveira do Hospital

“Empreender +” quer continuar a criar empresas em Oliveira do Hospital

A 30 de junho arranca mais um período de candidaturas ao “Empreender +”. Com a renovação da medida, a Câmara de Oliveira do Hospital quer continuar a criar e instalar empresas no concelho.

“É este o caminho que vamos prosseguir”. A garantia foi dada há instantes pelo vice-presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital que, aproveitando a ocasião do relançamento do Orçamento Participativo Jovem e do programa “Férias + Solidárias”, antecipou a reedição do “Empreender +” essencialmente dirigida aos jovens, mas também aberto a empreendedores de todas as idades.

A motivar o relançamento do concurso Municipal de Ideias de Negócio está o propósito de criar mais empresa e consequentemente mais emprego em Oliveira do Hospital. “Até agora foram investidos mais de 100 mil Euros, aprovados nove projetos e duas menções honrosas no valor de três mil Euros cada, que se traduziu na criação e instalação de 11 novas empresas em Oliveira do Hospital”, referiu José Francisco Rolo que, às portas da abertura do período de apresentação de candidaturas – de 30 junho a 15 de novembro – desafia os portadores de ideias de negócio a converterem as mesmas em candidaturas passíveis de serem concretizadas em empresas inovadoras instaladas em Oliveira do Hospital. “Estamos em crer que vamos continuar a desenvolver projetos que reforcem o espírito empresarial de Oliveira do Hospital”, disse convicto o número dois na autarquia oliveirense, para quem é igualmente determinante o facto de no concelho existir uma escola superior de onde emergem ideias de negócio às quais falta apenas “um instrumento de apoio técnico e financeiro”.

No processo de formalização das candidaturas, a autarquia disponibiliza quatro estruturas de apoio técnico. “Não deixamos os potenciais candidatos sem apoio”, referiu José Francisco Rolo, reportando-se ao apoio dado pela ADI, ESTGOH, BLC3, bem como à Eptoliva que “conseguiu desenvolver uma muito importante cultura de empreendedores e ideias de negócio competitivas, numa relação perfeita entre alunos e professores”. “Hoje a Eptoliva é uma escola de qualidade e que vence prémios de empreendedorismo”, referiu José Francisco Rolo, explicando que por tal motivo se optou pelo envolvimento da escola como ponto de apoio técnico para “aproveitar o saber e a experiência”.

LEIA TAMBÉM

Novo Mapa judiciário entra em vigor segunda-feira, Tribunal de Oliveira do Hospital reduzido Secção de competência genérica e Câmara só discutiu assunto a 24 de Julho

Tribunal iniciou julgamento de assaltantes de carrinha de Valores em Vila Nova de Poiares

O Tribunal de Coimbra começou hoje a julgar três homens e três mulheres acusados de …

Militar ferido em colisão entre duas motas da GNR na A25 na Guarda

Duas motas da GNR da Guarda colidiram esta terça-feira de manhã na estrada A25 sentido …