Home - Educação - Forças Armadas distribuem quatro milhões de máscaras aos alunos que regressam às aulas

Forças Armadas distribuem quatro milhões de máscaras aos alunos que regressam às aulas

O Primeiro-ministro, António Costa, recorreu ontem ao Twitter para revelar que as Forças Armadas começaram uma operação que visa distribuir materiais como máscaras e luvas às escolas que irão reabrir já na próxima segunda-feira. Esta abertura é uma das medidas de desconfinamento previstas devido à pandemia da Covid-19. “São mais de 4 milhões de máscaras, mais de 600 mil pares de luvas, entre muitos milhares de outros equipamentos“, sublinhou o primeiro-ministro na mensagem que deixou na rede social.

O ministro da Educação, Tiago Brandão Rodrigues, já tinha garantido que a tutela seria “responsável” pelo apetrechamento das máscaras necessárias para distribuir por alunos e funcionários das escolas.  E os alunos do 11.º e 12.º ano voltam a ter aulas presenciais a partir de 18 de maio e a entrada na escola só será permitida a quem tenha máscara. O Ministério da Educação,  refira-se, enviou no passado dia 5 para as escolas orientações com medidas para que possam receber os alunos do ensino secundário. Só poderá estar “um aluno por secretária” e os intervalos devem ser, por norma, “dentro da sala”.

LEIA TAMBÉM

Casos de COVID-19 sobem em Seia e Manteigas

O concelho de Seia registou nos últimos três dias mais quatro casos de COVID, subindo …

PJ faz buscas em Gouveia e Viseu na operação “Trapos”

A Polícia Judiciária, em equipa mista com a Direcção de Finanças do Porto, realizou uma …