Home - Últimas - GNR deteve nove pessoas em Vilar Formoso por situações de imigração ilegal

GNR deteve nove pessoas em Vilar Formoso por situações de imigração ilegal

A GNR deteve, na fronteira de Vilar Formoso, sete homens estrangeiros por permanência ilegal no país e outros dois, também estrangeiros, por suspeita de auxílio à imigração ilegal. Os detidos têm idades entre 30 e 40 anos.

Os homens foram detidos pelas 5h00 de hoje, no âmbito da realização de uma acção de fiscalização rodoviária naquela fronteira no concelho de Almeida, distrito da Guarda. A GNR, explica uma fonte, interceptou duas viaturas, que entravam em território nacional e transportavam 23 indivíduos indostânicos (da região do subcontinente indiano que inclui parte da Índia e do Paquistão).

“Na análise documental, feita pelo Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), verificou-se que sete deles estavam em situação ilegal em território nacional e outros dois eram suspeitos da prática de auxílio à imigração ilegal”, adiantou à Lusa uma fonte do Comando Territorial da GNR da Guarda.

Os nove detidos vão ser apresentados ao Tribunal de Almeida, para primeiro interrogatório judicial e aplicação de eventuais medidas de coacção. Os outros 14 estrangeiros “estavam com processo de legalização em andamento no SEF e ficaram em liberdade”, disse.

As duas viaturas que transportavam os homens são de matrícula portuguesa e foram apreendidas pelas autoridades policiais. A mesma fonte adiantou que as autoridades estão a efectuar diligências no sentido de apurarem o destino dos 21 homens, que eram transportados pelos condutores das duas viaturas.

 

LEIA TAMBÉM

Buscas por criança desaparecida concentradas na zona onde foram encontradas pegadas

As buscas pelo menino com dois anos que desapareceu ontem de manhã, em Proença-a-Velha (concelho …

Autoridades reforçaram os meios para encontrar menino de dois anos desaparecido de manhã na zona de Proença-a-Velha

A GNR garantiu que o dispositivo der buscas da vai ser reforçado com novos elementos, …