Home - Sociedade - Cultura - História de D. Afonso Henriques em Lagares da Beira

História de D. Afonso Henriques em Lagares da Beira

A equipa da Ludoteca da Biblioteca Municipal de Oliveira do Hospital apresentou a história de D. Afonso Henriques em Lagares da Beira. A Biblioteca Ludoteca de Lagares da Beira acolheu esta dramatização com fantoches sobre o primeiro rei de Portugal e que foi o impulsionador do nosso país.

Os alunos do 1.º CEB da EBI de Lagares da Beira assistiram de forma entusiasmada a esta história sobre o grande e valente cavaleiro Afonso Henriques que um dia sonhou com um país livre e autónomo.

Esta visita marca o início de mais um projeto de colaboração entre as bibliotecas municipais do concelho pretendendo-se que as atividades programadas sejam apresentadas também em Lagares da Beira. Um trabalho de parceria que tem vindo já a ser desenvolvido com as escolas do concelho e tem proporcionado a apresentação das dramatizações no Centro Escolar de Nogueira do Cravo.

A história de D. Afonso Henriques insere-se na atividade “Era uma vez um Rei” planificada para sensibilizar as crianças para a história de Portugal. Através do recurso à dramatização com fantoches e música é abordada a vida dos reis de Portugal, começando pelo fundador do nosso país, D. Afonso Henriques. Há outras histórias que estão programadas, sobre a vida de D. Dinis, D. Pedro I, D. João I, D. João II, D. Manuel I, D. Sebastião, D. João IV, D. José, D. Pedro IV, D. Maria e D. Carlos I.

Especialmente dirigida aos alunos do 4.º ano do 1.º ciclo do ensino básico, por conter muita informação histórica e ir ao encontro dos conteúdos programáticos deste ano, que aborda a História de Portugal e os seus reis, pode ser assistida pelos restantes alunos em idade escolar e do pré-escolar, mediante marcação prévia.

LEIA TAMBÉM

Rui Rio acredita que o PSD pode recuperar segundo deputado na Guarda

O líder do PSD esteve esta manhã numa arruada na Guarda, onde se mostrou confiante …

Eleitores em confinamento vão poder sair para votar no dia 30 de Janeiro em horário específico

A ministra da Justiça e ministra da Administração Interna, Francisca Van Dunem, esclareceu hoje que …