Home - Região - Oliveira do Hospital - Inauguração de nova estrutura transforma Santa Casa da Misericórdia de Galizes em unidade de referência a nível nacional

Inauguração de nova estrutura transforma Santa Casa da Misericórdia de Galizes em unidade de referência a nível nacional

“É a maior obra pública financiada pelo Estado em Oliveira do Hospital desde o Estado Novo. Esta inauguração é a realização de um sonho”. Foi assim que o provedor da Santa Casa da Misericórdia de Galizes, Bruno Miranda, definiu a abertura da uma nova estrutura de referência em termos de apoio social naquela localidade da Freguesia de Nogueira e que contou com a presença do Ministro da Solidariedade, Trabalho e da Segurança Social, Mota Soares, a quem o provedor agradeceu toda a colaboração. Trata-se de um investimento a rondar os 2,3 milhões de euros, que irá permitir albergar 61 utentes, distribuídos por lar, residência autónoma e Centro de Actividades Ocupacionais. O presidente da autarquia oliveirense, José Carlos Alexandrino, deixou a promessa de atribuir um subsídio àquela instituição de 100 mil euros para evitar dificuldades de um gigante que alberga utentes de várias zonas do país, bem como a medalha de ouro da cidade.

_DCS0390 (Small)O ministro Mota Soares destacou o trabalho que tem vindo a ser realizado nestes últimos quatro anos em termos de descentralização do apoio social e sublinhou que apesar das dificuldades que o país atravessa foi possível criar 46 mil empregos nesta área com a política de aproximação. “Continuamos a potenciar uma rede de aproximação aos utentes em termos de apoios sociais. Esta obra vem colmatar uma carência a nível do concelho e do distrito. A descentralização é o caminho, não tenho dúvidas nenhumas”, sublinhou o governante, para quem só uma grande equipa poderia realizar uma obra com esta dimensão.

Na presença de algumas centenas de pessoas, José Carlos Alexandrino não perdeu a oportunidade de lembrar que hoje é um dia de festa com aquela inauguração, mas também um dia de luta para Oliveira do Hospital, numa alusão à manifestação programada para o final da tarde em defesa da saúde e de melhores acessos ao concelho. “Esta é uma obra que nos orgulha a todos. Mas temos de lembrar que em Oliveira do Hospital não temos uma unidade de cuidados continuados e temos cerca de 60 por cento da população sem médico de família. Por isso, fui obrigado a convocar o meu povo para esta luta”, explicou, enfatizando mais uma vez que não se trata de uma luta partidária, apesar de se estar a entrar em pré-campanha eleitoral. “Não quero lá bandeiras partidárias, mas apenas de Oliveira do Hospital. Temos de lutar porque o IC6 e o IC7 não passaram de promessas”, rematou._DCS0388 (Small)

Financiado em 90% pelo Programa Operacional de Potencial Humano o novo equipamento da Santa Casa da Misericórdia de Galizes apresenta uma arquitectura moderna e funcional, com amplas áreas comuns, onde as acessibilidades e o aproveitamento da luz natural foram uma prioridade. Mais um aspecto que, segundo os responsáveis, deve tornar o concelho de Oliveira do Hospital numa referência em termos de prestação de cuidados à população portadora de deficiência. A nova estrutura vai criar também 40 postos de trabalho directos.

LEIA TAMBÉM

Choque frontal em Seixo da Beira provoca ferido grave

Um choque frontal entre dois veículos ligeiros de mercadorias hoje de manhã em Seixo da …

Petição pública pretende “salvar Açude da Ribeira” e retirar a estrutura já instalada no âmbito da requalificação do espaço

Um movimento de munícipes do concelho de Oliveira do Hospital lançou ontem uma petição pública …