Home - Últimas - Infectada vivia num carro em Ovar para não contagiar doente oncológico com quem partilha casa

Infectada vivia num carro em Ovar para não contagiar doente oncológico com quem partilha casa

Uma mulher infectada com o novo coronavírus que estava a viver num carro para não contagiar a família passou para a Pousada da Juventude de Ovar, revelou na segunda-feira o presidente da câmara. “Registo com agrado o facto de a nossa Pousada da Juventude, além das pessoas que já lá estão [alojadas], ter ainda recebido uma infetada que, por ter em sua casa um doente oncológico, estava a morar num carro”, afirma o presidente do município, Salvador Malheiro.

Na sua mensagem à população, o autarca do distrito de Aveiro lembra que a pousada foi transformada num centro de vigilância activa do novo coronavírus, precisamente para acudir a doentes que, embora dispensando internamento hospitalar, não reúnem condições domiciliárias para garantir o devido confinamento profilático.

Insistindo que a adaptação desse e de outros espaços da cidade visa garantir condições de convalescença a pessoas infectadas com o vírus da covid-19, limitando o seu contacto com a restante população, o autarca social-democrata realça ser “decisivo este espírito de família que se vive hoje no município de Ovar, em que cada um tem de fazer aquilo que deve e a maioria dos habitantes tem é de ficar em casa”.

No concelho, de 148 quilómetros quadrados e com cerca de 55.400 habitantes, existem “266 infetados, 10 óbitos e cinco recuperados”m segundo os dados da câmara de segunda-feira à noite. Salvador Malheiro justifica os números com a estratégia de realização de testes de diagnóstico desencadeada pela câmara, o que permitiu, por exemplo, após a detecção na sexta-feira de um caso de covid-19 no lar da Santa Casa da Misericórdia, que cerca de 120 utentes e funcionários da instituição fizessem o respectivo teste.

“Depois de termos feito o teste a todos, neste momento começam a chegar os resultados e temos já 17 confirmados no lar de idosos”, adianta o presidente do município. O lar foi, entretanto, sujeito a uma reorganização interna para assegurar distanciamento social entre utentes sintomáticos e assintomáticos, e está agora munido de uma equipa médica em permanência.

LEIA TAMBÉM

Candidato do PSD assegura que conseguiu equilíbrio financeiro da CM de Celorico da Beira e que o concelho está “recuperar o respeito perdido”

O recandidato do PSD à Câmara Municipal de Celorico da Beira assegurou, durante a apresentação …

Um ferido grave em despiste no Carregal do Sal

Um homem, de 25 anos, ficou gravemente ferido após despiste do carro que conduzia em …