Home - Região - Oliveira do Hospital - José Carlos Alexandrino quer novo mandato para cumprir 150 medidas, entre elas baixar o IMI para o mínimo

José Carlos Alexandrino quer novo mandato para cumprir 150 medidas, entre elas baixar o IMI para o mínimo

José Carlos Alexandrino apresentou ontem no Jardim Oliveira Mano, na presençado ministro do Trabalho, da Solidariedade e Segurança Social, Vieira da Silva, que representou o Secretário-geral do Partido, oficialmente a candidatura à Câmara Municipal de Oliveira do Hospital. O candidato pelo PS à autarquia, anunciado pelo apresentador de serviço como o Grande Líder, vai levar para estas eleições a mesma equipa que o acompanhou no executivo municipal ainda em funções (José Francisco Rolo, Graça Silva, Nuno Ribeiro, Teresa Dias), saindo apenas João Ramalhete (por vontade própria) para a lista da Assembleia Municipal (AM). A grande mudança passa pela entrada na equipa da ex-ministra, Dulce Pássaro, que irá concorrer ao lugar que foi ocupado por Rodrigues Gonçalves que assumiu a presidência da AM, depois de António Lopes ter vencido nas urnas e ter sido destituído.

Sob o lema “No Caminho certo, continuar a construir o futuro”, José Carlos Alexandrino prometeu à plateia de apoiantes que se deslocou ao local um programa simples de 150 medidas, em 15 áreas diferentes, garantindo que, em caso de vitória, serão integralmente cumpridas, entre elas a descida do IMI para os 0,30 por cento, o mínimo permitido por lei, bem como a ampliação da zona industrial e manter o apoio à BLC3. “Será um programa simples para quer os eleitores nos possam pedir contas. No final do mandato terão de estar todas integralmente cumpridas”, sublinhou o homem que ainda está a liderar o município, voltando a falar numa das suas bandeiras que é o IC6 e para dizer que o Governo tem “o dever moral de o concluir”.

José Carlos Alexandrino referiu ainda que esta candidatura, embora tenha a sua génese no seio do Partido Socialista, é suprapartidária e que o lema é as pessoas são a principal prioridade. “Os interesses do concelho estão sempre acima do PS ou de qualquer outro partido. As pessoas são a nossa prioridade”, rematou o autarca que em 2013 conseguiu um resultado histórico, com um total de 8379 votos traduzidos em seis mandatos no executivo municipal.

A cerimónia serviu ainda para apresentar os cabeças de lista candidatos às Assembleias de Freguesia onde vai apresentar-se a sufrágio: Aldeia das Dez, Alvôco da Várzeas, Avô, Bobadela, Ervedal e Vila Franca da Beira, Lagares da Beira, Lourosa, Meruje, Nogueira do Cravo, Oliveira do Hospital e são Paio de Gramaços, Penalva de Alva e São Sebastião, Santa Ovaia e Vila Pouca da Beira, São Gião, Seixo da Beira e Travanca de Lagos. Os candidatos são praticamente os mesmos da anterior corrida eleitoral, com raras excepções, como no caso da Freguesia do Seixo da Beira em que Carlos Baptista foi substituído por Margarida Claro.

LEIA TAMBÉM

EPTOLIVA distinguida novamente como “Escola amiga da criança”

A Escola Profissional de Oliveira do Hospital, Tábua e Arganil (EPTOLIVA) voltou, este ano, a …

Concelho de Oliveira do Hospital com cinco novos casos de COVID-19

O concelho de Oliveira do Hospital tem cinco novos casos de COVID-19, mas mantém os …