Home - Outros Destaques - Líder da concelhia do Chega acusa presidente da CM de Oliveira do Hospital de ameaçar pessoas fisicamente

Líder da concelhia do Chega acusa presidente da CM de Oliveira do Hospital de ameaçar pessoas fisicamente

O presidente da concelhia do Chega de Oliveira do Hospital acusou o presidente da Câmara Municipal, José Carlos Alexandrino, de ter ameaçado fisicamente elementos daquela força política. “Isto não é democracia. O presidente cessante ameaçou fisicamente pessoas do Chega e outras e fez telefonemas a elementos que nos apoiam. Mas ele é passado, vamos focar-nos no José Francisco Rolo”, referiu Luís Filipe Freire durante a cerimónia de apresentação dos candidatos do Chega aos órgãos autárquicos do concelho oliveirense.

Luís Filipe Freire aproveitou ainda para recusar o rótulo de partido de extrema direita aplicado ao Chega. O líder da concelhia explicou que se trata de um partido de direita, liberal e conservador. “Fazemos parte de um partido que veio reforçar a democracia. Queremos escrutinar aquilo que fazem no município, ter a certeza que o dinheiro que pagamos de impostos é bem aplicado e estar atentos às necessidades do povo”, continuou, adiantando que na candidatura encontram-se pessoas de vários sectores.

LEIA TAMBÉM

Chega de Oliveira do Hospital vai recolher rapidamente o seu material de campanha em nome do ambiente

A concelhia do partido Chega de Oliveira do Hospital, concorrente ao acto eleitoral de domingo, …

Fernando Tavares Pereira considera “falsas e graves acusações” de Mário Almeida no caso do Centro de Exames de Condução de Tábua

Fernando Tavares Pereira desafiou o ainda presidente eleito pelos socialistas da Câmara Municipal de Tábua, …