Home - Destaques - Mais de 320 peregrinos receberam auxílio no posto de apoio do Senhor das Almas

Mais de 320 peregrinos receberam auxílio no posto de apoio do Senhor das Almas

Na semana da habitual peregrinação a Fátima, o posto de apoio do Senhor das Almas cumpre até esta sexta feira mais uma missão de auxílio aos peregrinos. Entre os voluntários, cerca de 24, o sentimento é de satisfação.

Vêm de várias zonas como Vila Flor, Bragança, Mogadouro, Vilariça, Mirandela, Meda, Pinhel, Freixo de Numão, Gouveia e outros pontos situados a Norte movidos pela Fé, mas atraiçoados pelo cansaço e as mazelas do corpo. Reconforta-os a certeza de que na localidade do Senhor das Almas, no concelho de Oliveira do Hospital e à beira da conhecida estrada da Beira têm à sua espera um grupo de voluntários preparado para ajudar a minimizar a dor e dar algum conforto.

Foi de resto, com aquele propósito, que em 2004 um grupo de voluntários decidiu unir esforços e dar corpo a um posto de apoio aos peregrinos, que na altura e tal como agora, era coisa rara de encontrar no trilho de um peregrino.

peregrino2Foi assim há 10 anos e continua de igual modo em 2014. Na semana da habitual peregrinação, a casa da irmandade do Divino Senhor das Almas vira posto de apoio, chegando a ser ampliada com uma tenda situada à entrada com o apoio da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital. Assim acontece com o objetivo de bem receber os caminheiros da Fé aos quais o grupo de voluntários proporciona cuidados médicos, de enfermagem e de higiene, bem como refeições e espaços para descansar e até pernoitar.

A prestar apoio desde o dia 3 de maio (sábado), o grupo de voluntários registava até à tarde de ontem a passagem de 320 peregrinos. “Temos tido mais peregrinos do que no ano passado”, afirmou Isidora Lobo ao correiodabeiraserra.com, constatando de igual modo o aumento do número de jovens entre os peregrinos. Única médica no grupo de voluntários, Isidora Lobo regozija-se pelo facto de os peregrinos chegarem , de ano para ano, em melhores condições físicas, demonstrando um melhor cuidado durante o percurso, nomeadamente no uso de calçado adequado à caminhada e proteção da pele. “Nota-se uma evolução. No primeiro ano, vi pés como nunca tinha visto”, comentou.

Há 10 anos a prestar apoio, o posto localizado no Sr. Das Almas é hoje um “posto amigo dos peregrinos”, sendo vários os grupos que ano a pós ano têm paragem “obrigatória” naquele local. “Até nos avisam com bastante antecedência da sua passagem por cá”, referiu satisfeito aquele que é o principal mentor do grupo de apoio. Ao correiodabeiraserra.com, José Agostinho Nunes não esconde o prazer que, juntamente com os restantes voluntários, sente em apoiar os que caminham rumo a Fátima movidos pela fé e demais motivações. Uma satisfação que decorre do gosto de fazer o bem, mas também pelo facto de também ele, e outros voluntários, saberem das dificuldades com que se deparam os peregrinos na sua missão de chegar a Fátima. “Vale tanto o apoio que nos dão, como o nosso esforço de ir a pé”, referiu a também voluntária Helena Loureiro, que já foi por 20 vezes a pé a Fátima e não esconde a gratidão que sente pelo auxílio que lhe foi prestado.

O sentimento de gratidão estampado no rosto de cada peregrino associado à satisfação de ajudar constituem a motivação maior do grupo de voluntários que, este ano, viu alargado o número de elementos a um total de 24, entre enfermeiros, fisioterapeutas, médica, entre outros. A ideia é manter vivo o projeto, mas para isso José Agostinho destaca a necessidade de um maior envolvimento das pessoas. “Não podem ser sempre os velhos”, referiu, apelando à entrada de gente jovem no grupo de voluntários, que durante o ano desenvolva um trabalho de pedido de apoio em bens alimentares e de enfermagem necessários ao auxílio aos peregrinos.

Na missão de apoiar os peregrinos, o posto de Apoio do Senhor das Almas conta com o auxílio da Câmara Municipal, lar de Santa Ovaia, Santa Casa da Misericórdia de Galizes e alguns empresários locais da área alimentar (charcutaria, padaria, pastelaria e frutaria).

LEIA TAMBÉM

Seia com mais de uma centena de casos activos de COVID-19 e Gouveia vê o número de infectados disparar

O concelho de Seia está a atravessar um momento complicado com a COVID-19, com mais …

Homem detido na Guarda por violência física e psicológica sobre a mulher

A GNR deteve hoje um homem, de 53 anos, suspeito de exercer violência física e …