Home - Últimas - Morreu Desidério Gomes Amaro, o famoso relatador natural do concelho de Celorico da Beira

Morreu Desidério Gomes Amaro, o famoso relatador natural do concelho de Celorico da Beira

Desidério Gomes Amaro, figura incontornável do relato radiofónico em Portugal e natural de Fornotelheiro, Celorico da Beira, faleceu esta quinta-feira, aos 85 anos.  O corpo de Gomes Amaro estará em câmara ardente na capela mortuária da Igreja Matriz de Espinho, a partir das 15h00 desta sexta-feira. O funeral realiza-se no sábado, às 12h15.

O jornalista acompanhou durante anos o FC Porto em Portugal e no estrangeiro e marcou uma era no relato radiofónico e na forma de fazer rádio em Portugal. O antigo jornalista da rádio “Quadrante Norte”, nasceu no concelho de Celorico da Beira, mas antes de fazer três anos foi com os pais para o Brasil, onde viveu 30 anos. Aí ganhou o sotaque que tornaram os seus relatos, no programa Quadrante Norte, tão famosos, especialmente os relatos dos jogos do FC Porto.

Trabalhou como técnico de rádio e na TV Record desempenhou o cargo de responsável pelo videotape da estação. Durante a década de 70, regressou a Portugal e foi viver para o Porto, período em que se notabilizou a relatar os jogos do FC Porto. Durante este período, Desidério Gomes Amaro era mesmo o único jornalista que fazia os relatos integrais dos jogos dos ‘Dragões’, sempre inseridos no programa “Quadrante Norte”, tendo presenciado alguns dos momentos mais nobres da história dos ‘Azuis e brancos’. Nunca deixou de visitar frequentemente a sua terra natal onde demonstrava o seu prazer pelo futebol como guarda-redes da equipa da sua aldeia.

À família enlutada e amigos, Correio da Beira Serra endereça as mais sentidas condolências.

Foto: Filipe Balreira | JPN

LEIA TAMBÉM

Calor regressa em força esta semana e termómetros podem chegar aos 36ºC

O Instituto Português e da Atmosfera prevê que a temperatura vai subir ao longo da …

IPG

Politécnico da Guarda lança curso para capacitar cuidadores informais

O Instituto Politécnico da Guarda (IPG) lançou um curso com participação de acesso livre e …