Home - Sociedade - Mulher foi detida por vender almanaque falsificado em Santa Comba Dão
GNR deteve alegados traficantes de droga nos acessos a uma “Rave” em Oliveira do Hospital

Mulher foi detida por vender almanaque falsificado em Santa Comba Dão

Militares da Secção de Programas Especiais do Destacamento Territorial de Santa Comba Dão detiveram ontem, uma mulher com 33 anos de idade, por venda de exemplares falsificados do “Almanaque Borda D’Água”.

A detenção ocorreu na sequência de patrulhamento à feira semanal de Santa Comba Dão, em que os militares detectaram que a mulher se encontrava a vender o “Almanaque Borda D’Água”, suspeitando-se ser falsificado. Como resultado foram apreendidos 61 exemplares do livro, bem como uma quantia em dinheiro e a detida foi presente ao Tribunal Judicial de Santa Comba Dão.

LEIA TAMBÉM

Autárquicas deste ano com menos cerca de 90 mil eleitores que em 2017

O diploma publicado hoje em Diário da República, com dados obtidos através da base central …

Buscas por criança desaparecida concentradas na zona onde foram encontradas pegadas

As buscas pelo menino com dois anos que desapareceu ontem de manhã, em Proença-a-Velha (concelho …