Home - Outros Destaques - Município de Oliveira do hospital vai oferecer duas peças de fruta por semana aos alunos do concelho

Município de Oliveira do hospital vai oferecer duas peças de fruta por semana aos alunos do concelho

O Município de Oliveira do Hospital vai distribuir gratuitamente uma peça de fruta a cada aluno, duas vezes por semanas, à terça-feira e quinta-feira, até ao final do ano lectivo. Esta é, segundo a autarquia, “um contributo para a educação alimentar e a promoção da saúde em contexto escolar” e capacitar as crianças e as famílias para a adopção de hábitos de consumo de fruta, em substituição de lanches de fraca qualidade alimentar. A medida chega a cerca de 850 crianças, ou seja, aos alunos do ensino Pré-escolar e do 1.º CEB dos Agrupamento de Escolas de Oliveira do Hospital e resulta de um investimento da autarquia superior a nove mil e trezentos euros.

Através do Regime Fruta Escolar, o Município de Oliveira do Hospital diz que, “consciente da importância da inclusão da fruta na dieta alimentar dos alunos que frequentam as escolas do concelho”, dá, assim, continuidade, a um “programa fundamental na alimentação infantil e que vem de um compromisso já assumido nos anos anteriores”. A iniciativa é desenvolvida no âmbito do Regime Fruta Escolar do projecto municipal “Escola + Saudável”, implementado nas escolas do Pré-escolar e do 1.ºCEB do AEOH – Agrupamento de Escolas de Oliveira do Hospital.

O projecto “Fruta Escolar” visa a distribuição gratuita de frutas e produtos hortícolas nos estabelecimentos de ensino público do Município, com o objectivo da aquisição e promoção de hábitos de educação alimentar

LEIA TAMBÉM

CM de Oliveira do Hospital aprova orçamento de 34 milhões, oposição classifica-o de irrealista e incapaz de ir além de uma execução de 50 por cento

A Câmara Municipal de Oliveira do Hospital aprovou, por maioria, em reunião extraordinária, no dia …

Requalificação do Açude da Ribeira recebe mais de 375 mil euros do programa Centro 2020 que aprovou “100 milhões de euros para áreas prioritárias para os cidadãos” 

O Programa Operacional Centro 2020 “aprovou 100 milhões de euros para projectos de qualificação dos …