Home - Destaques - “Números de novas infecções em Oliveira do Hospital são dramáticos”

“Números de novas infecções em Oliveira do Hospital são dramáticos”

O Presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital considerou hoje que os números de novos casos de COVID-19 no concelho são dramáticos. Desde sexta-feira surgiram mais 93 infectados e mais três óbitos. “É um aumento de casos brutal. É o maior de sempre”, referiu o autarca.

José Carlos Alexandrino diz mesmo que a situação nunca foi tão preocupante. “Nunca corremos tantos riscos em Oliveira do Hospital como nesta altura”, frisou o responsável por um concelho que regista 242 casos activos  e acumula, desde o início da pandemia, 914 casos, dos quais 653 recuperaram, 242 estão ativos e 19 não óbitos.

A freguesia de Lagares da Beira continua a mais preocupante, contando com 47 casos identificados, todos eles com cadeias de tranmissão na comunidade e não resultante de surtos localizados. Os restantes casos estão assim distribuidos: Aldeia das Dez (3), Avô (27), Bobadela (7), Lourosa (11), Lagares da Beira (47), Meruge (5), Nogueira do Cravo (14), S. Gião (3), Seixo da Beira (17), Travanca de Lagos (5), UF Ervedal e Vila Franca da Beira (10), UF Lagos da Beira e Lajeosa (10), UF Penalva de Alva e S. Sebastião da feira (7), UF Oliveira do Hospital e S. Paio de Gramaços (46) e UF Santa Ovaia e Vila Pouca da Beira (10). Alvoco das Várzeas está sem nenhum casos conhecido, mas há ainda 20 casos com freguesia por identificar.

LEIA TAMBÉM

Coligação “Unidos para Construir o Futuro” repudia vandalização de outdoors do PS em Alvôco das Várzeas

A coligação “Unidos para Construir o Futuro”, liderada por Francisco Rodrigues, “repudiou veementemente” a vandalização …

“Incêndio continua por apagar”

Em comunicado a Maavim volta a lembrar episódio de Outubro de 2017.   “A MAAVIM, …