Home - Últimas - Padre ignora diretivas e continua a rezar missas presenciais no concelho de Pinhel para a “população arejar”

Padre ignora diretivas e continua a rezar missas presenciais no concelho de Pinhel para a “população arejar”

Um padre continua a rezar missa em seis aldeias do concelho de Pinhel aos sábados e domingos, apesar de a Conferência Episcopal Portuguesa ter suspendido, em Janeiro, as missas e catequeses por causa da pandemia da Covid-19. Pároco justifica a sua decisão com a necessidade da população “arejar”.

De acordo com a SIC Notícias, há umas semanas, ao ser confrontado com esta situação, o pároco garantiu que os presentes apenas o estavam a ajudar na celebração. Contudo, este domingo, ao ser abordado por jornalistas, após uma missa com cerca de uma dezena de fiéis, o sacerdote defendeu que a directiva em causa só se aplica aos centros urbanos e que a população “precisa de arejar”.

Apesar de todos os que assistiam à missa estarem a usar máscara e de esta ter durado apenas meia hora, de acordo com o canal de televisão, os fiéis puderam comungar.

Recorde-se que, o regulamento do Estado de Emergência, do passado dia 14 de janeiro, autoriza celebrações religiosas, incluindo as comunitárias. No entanto, com o agravamento da pandemia, a Conferência Episcopal Portuguesa, suspendeu a celebração das missas presenciais, catequese e outras atividades pastorais, até novas orientações. A Diocese da Guarda ainda não reagiu à realização de missas presenciais por parte deste pároco.

LEIA TAMBÉM

Gouveia oferece dois bilhetes com desconto de cinco euros no comércio local e sorteio de dez mil euros em prémios

O município de Gouveia laçou uma campanha, que se prolonga até ao dia 2 de …

Natal na área da Comunidade Intermunicipal das Beiras e Serra da Estrela oferece animação e procura recuperar tradições

A Serra da Estrela conta com festividades alusivas a esta época que não esquecem as …