Home - Educação - Parque Infantil Sá Carneiro degradado e “perigoso”, autarquia promete intervenção até final de Setembro
Parque Infantil Sá Carneiro degradado e “perigoso”, autarquia promete intervenção até Setembro

Parque Infantil Sá Carneiro degradado e “perigoso”, autarquia promete intervenção até final de Setembro

O Parque Infantil Sá Carneiro, junto à Escola Básica do 1º Ciclo de Oliveira do Hospital, encontra-se em estado degradado, o que está a preocupar os pais. O alerta foi lançado pelo deputado municipal pelo PSD Nuno Caetano que colocou uma chamada de atenção na sua página pessoal do Facebook.

“Parque infantil SÁ CARNEIRO merecia uma intervenção por parte da entidade responsável. Deixo aqui a sugestão”, referia no apelo acompanhado por fotos que demonstram as más condições do espaço destinado a crianças dos três aos 11 anos.Parque Infantil Sá Carneiro degradado e “perigoso”, autarquia promete intervenção até Setembro “O objectivo foi sensibilizar o executivo autárquico para a necessidade de uma requalificação daquele parque. É um espaço importante para a cidade e que se encontra ao lado de uma escola básica”, explicou ao Correio da Beira Serra Nuno Caetano.

“Tem de ser intervencionado rapidamente. Para estar assim mais vale estar encerrado, mas está aberto permitindo o acesso às crianças, o que é perigoso”, acrescentou, por seu lado, o deputado do CDS Luís Lagos, adiantando que enquanto pai “não se sente descansado”. “Aquilo está propício a que se verifiquem acidentes. Se um dia acontecer será um problema. Tenho filhos e obviamente estou muito preocupado”, sublinhou, adiantando que o assunto ainda não foi levado a Assembleia Municipal, mas terá de acontecer na próxima e a autarquia terá de tomar medidas”, frisou.

O CBS contactou a Câmara Municipal de Oliveira do Hospital, a entidade Parque Infantil Sá Carneiro degradado e “perigoso”, autarquia promete intervenção até Setembroresponsável pela conservação do parque, que garantiu estar já em fase de conclusão a preparação de uma intervenção “prevendo-se que até final de Setembro estejam colocados os novos equipamentos e o pavimento requalificado, com vista a que este espaço reúna as melhores condições para os seus utilizadores”, refere uma nota enviada ao Correio da Beira Serra por parte do Gabinete de Apoio à Presidência. O município refere ainda que “alguns dos equipamentos existentes no parque foram retirados”, tendo-se concluído que não se encontravam em condições de ser reparados. Como consequência, adiantam, foi desencadeado um “processo de orçamentação tendo em vista a substituição integral dos equipamentos bem como a requalificação das zonas do pavimento mais degradadas”.

Parque Infantil Sá Carneiro degradado e “perigoso”, autarquia promete intervenção até SetembroDurante a visita que efectuamos ao Parque verificamos que existe apenas um cavalo de baloiço. Os bancos estão parcialmente destruídos, com parafusos expostos, o que não parece ser o mais aconselhável para crianças. O pavimento de impacto está parcialmente arrancado. Um local pouco cuidado. Recorde-se que, segundo a legislação, as câmaras municipais estão obrigadas “a fazer vistorias anuais a todos os espaços de jogo e recreio, além de outra, suscitadas por queixas ou reclamações”. A Lei obriga também a entidades responsáveis pelos espaços a criarem condições de vigilância.

O CBS contactou o Instituto de Desporto de Portugal que, segundo o placar informativo colocado no parque é quem tem seu cargo a fiscalização dos parques. Os seus responsáveis referiram que tal já não está sobre a sua alçada. A competência nestes casos compete desde 2009 à Autoridade de Segurança Alimentar e Económica (ASAE).

Parque Infantil Sá Carneiro degradado e “perigoso”, autarquia promete intervenção até Setembro“Desde que a entidade responsável seja o município, a responsabilidade de fiscalização cabe à ASAE. Caso seja de uma Junta de Freguesia é a autarquia que tem de zelar para que tudo esteja de acordo com a lei. Se nesse caso ainda está com referência ao Instituto de Desporto de Portugal é irregular”, referiu fonte daquela força policial, garantindo que dadas as muitas áreas que abrange nem sempre aquela corporação tem possibilidades de fiscalizar tudo. “Só perante denúncia por escrito”. Mas perante a descrição, aqueles serviços têm poucas dúvidas: “Há irregularidades”. E sublinham que o Parque não deveria estar a funcionar.

LEIA TAMBÉM

Sandra Fidalgo assumiu a liderança do PSD de Oliveira do Hospital e Mário Alves é o presidente da Mesa da Assembleia

Sandra Andrade Fidalgo tomou ontem posse como a nova presidente da Concelhia do PSD de …

José Carlos Alexandrino incorre numa pena até dois anos de prisão, segundo a CNE

O ex-presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital volta a ser alvo de reprimendas …