Home - Últimas - Portugal já vacinou 30 idosos com AstraZeneca que é desaconselhada a maiores de 65 anos

Portugal já vacinou 30 idosos com AstraZeneca que é desaconselhada a maiores de 65 anos

Há pelo menos 30 pessoas idosas que receberam a vacina da AstraZeneca contra a Covid-19, divulgou o Centro Europeu para o Controlo e Prevenção das Doenças, no relatório ‘Visão Geral da Aplicação da Vacina’, apesar de não estar recomendada a maiores de 65 anos. Uma norma da Direção-Geral da Saúde, porém, permite que à falta de uma segunda dose da Pfizer ou da Moderna, deve ser administrada uma de outra farmacêutica a pessoas com mais de 65 anos.

Por situações deste tipo terão passado algumas das três dezenas de pessoas, uma vez que as duas outras vacinas estão sujeitas a uma gestão apertada das doses.

Das 741 399 doses da Pfizer entregues em Portugal tinham sido administradas 93,5%. Por sua vez, das 42 mil unidades recebidas por parte da farmacêutica Moderna foram aplicadas 61,2%, revela o Centro Europeu de Controlo e Prevenção das Doenças.

Das 177 600 doses entregues em Portugal pela AstraZeneca foram administradas menos de metade (43,8 por cento), num total de 77 505. Do grupo de 30 idosos que recebeu a imunidade desta farmacêutica, sete são pessoas com mais de 80 anos e 23 estão na faixa etária 70-80. Para já, não há uma explicação do Ministério da Saúde sobre a razão desta inoculação.

LEIA TAMBÉM

Frio e neve para a próxima semana

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) alerta para uma diminuição das temperaturas …

Motorista de Eduardo Cabrita acusado de homicídio por negligência

O motorista que conduzia o carro onde seguia o ministro da Administração Interna, Eduardo Cabrita, …