Home - Outros Destaques - Presidente da Câmara de Oliveira do Hospital lamenta falecimento de utente de 88 anos do Lar de Santa Ovaia pela COVID-19 e refere que morte “atrapalhou as contas”

Presidente da Câmara de Oliveira do Hospital lamenta falecimento de utente de 88 anos do Lar de Santa Ovaia pela COVID-19 e refere que morte “atrapalhou as contas”

O presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital lamentou a morte da utente do Lar de Santa Ovaia, com 88 anos, o que, segundo o autarca, nada fazia prever este desfecho. O presidente da autarquia sublinhou ainda que o Lar tinha um bom plano de contingência, “o que terá evitado mais infecções”. A notícia surge num dia em que o relatório da DGS eleva para 26 o número de infectados no concelho, no entanto o autarca diz que em pouco tempo espera ter apenas quatro doentes pelo coronavírus no concelho-

“Esta morte atrapalhou as nossas contas. Não gostaríamos que ela tivesse acontecido, até porque não apresentava sintomas físicos ou respiratórios que levassem a este desfecho. Esta morte angustia-nos”, frisou José Carlos Alexandrino, sublinhando que a outra utente infectada no lar de Santa Ovaia permanece em isolamento. Mas já teve um teste negativo e está à espera do segundo para confirmar que já não tem o vírus.

O autarca referiu ainda que têm existido mais testes, o que, no seu entender, é  bom, porque o grande problema são os assintomáticos e as cadeias de transmissão que se criam a partir daí. “A cadeia de transmissão no Lar de Santa Ovaia não sabemos exactamente como começou. Infectou quatro funcionários e dois utentes e depois foi alargada a 11 pessoas”, explicou, referindo que neste caso há duas funcionárias que já deram o primeiro teste negativo e hoje realizam o segundo. “Houve outro funcionário que já teve os dois testes negativos. No lar ficou só um utente e um funcionário com o vírus”, assegura.

José Carlos Alexandrino diz que o concelho desde o início da pandemia teve 29 pessoas que tiveram contacto com o vírus. Destes, explica, 21 estão recuperados e dos oito que faltam estão a realizar testes que indicam que muitos já superaram a infecção. “Dentro de pouco tempo podemos ter apenas quatro casos positivos e três internados em Coimbra”, assegurou, deixando também a entender que tem tido várias reuniões “com elementos do Governo” para ajudar a recuperar financeiramente as empresas do concelho.

LEIA TAMBÉM

Choque frontal em Seixo da Beira provoca ferido grave

Um choque frontal entre dois veículos ligeiros de mercadorias hoje de manhã em Seixo da …

Oliveira do Hospital: viatura corta trânsito pedonal junto ao rio Alva desde Agosto

Uma viatura pesada de matrícula francesa está a impedir o trânsito pedonal, junto ponte romana, …