Home - Educação - Presidente da CM Oliveira do Hospital quer ver ESTGOH incluída no “Programa +Superior”
Presidente da CM Oliveira do Hospital quer ver a ESTGOG incluída no programa de incentivo à procura de estabelecimentos de ensino do interior

Presidente da CM Oliveira do Hospital quer ver ESTGOH incluída no “Programa +Superior”

O Presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital está indignado com a exclusão da Escola Superior de Tecnologia e Gestão (ESTGOH) do Programa +Superior, um projecto que tem por objectivo cativar alunos para instituições sediadas nas regiões do país com menor pressão demográfica. O autarca  pretende que a situação seja revista e vai enviar uma Moção, aprovada hoje em assembleia extraordinária da autarquia, a várias entidades, numa tentativa de levar o Governo a emendar aquilo que classifica como uma enorme injustiça. Deseja, em particular, solicitar a intervenção do Ministro-adjunto e do Desenvolvimento Regional junto do Secretário de Estado do Ensino Superior” para ajudar solucionar o problema.

“Este é um território incluído numa zona de baixa densidade populacional. Obedece a todos os critérios e parâmetros necessários para fazer parte do programa”, referiu em conferência de imprensa José Carlos Alexandrino, frisando que este é mais um exemplo da forma como está a ser mal tratado o seu concelho. “Sentimo-nos descriminados. Os alunos de Seia podem candidatar-se a essas bolsas e os de Oliveira do Hospital não. Há aqui uma descriminação. O próprio presidente do Instituto Politécnico de Coimbra (IPC) também já manifestou a sua discordância”, confessou, adiantando que pondera levar o assunto aos tribunais, caso não “o princípio de justiça” não seja observado.

José Carlos Alexandrino diz mesmo que “o Governo mostra falta de atenção em relação a Oliveira do Hospital”. “Tem tratado muito mal o nosso concelho”, sublinhou, apontando a título de exemplos a extinção de freguesias, a constituição do mega agrupamento escolar e a desqualificação do tribunal. E lembrou ainda que o IPC também tem promovido a transferência injustificada de cursos atractivos da ESTGOH para outras escolas, empobrecendo a oferta formativa local. Algo contra o qual também promete combater. “Queremos vincar a importância da ESTGOH, enquanto escola descentralizada do Instituto Politécnico de Coimbra no interior da região centro”.

O Programa + Superior, recorde-se, pretende atrair jovens para regiões em perda demográfica, oferecendo um total de mil bolsas no valor de 1500 euros aos alunos que optem por estudar em estabelecimentos de ensino sediados no Interior, onde a pressão demográfica é menor. O objectivo é também utilizar melhor a capacidade educativa instalada e incentivar a fixação de diplomados nas zonas mais desfavorecidas do país, contribuindo para o desenvolvimento regional.

 

LEIA TAMBÉM

Sandra Fidalgo assumiu a liderança do PSD de Oliveira do Hospital e Mário Alves é o presidente da Mesa da Assembleia

Sandra Andrade Fidalgo tomou ontem posse como a nova presidente da Concelhia do PSD de …

José Carlos Alexandrino incorre numa pena até dois anos de prisão, segundo a CNE

O ex-presidente da Câmara Municipal de Oliveira do Hospital volta a ser alvo de reprimendas …