Home - Outros Destaques - Regresso às aulas a 17 de Setembro em Oliveira do Hospital aberto a eventual ensino misto e não presencial 

Regresso às aulas a 17 de Setembro em Oliveira do Hospital aberto a eventual ensino misto e não presencial 

O Agrupamento de Escolas de Oliveira do Hospital (AEOH) deu ontem a conhecer como vai decorrer o novo ano escolar para os 2100 alunos. O início das aulas está previsto para o dia 17 de Setembro e com muitas alterações devido à pandemia. Uma delas passa por não se realizar a tradicional apresentação com os pais dos alunos do 5º ano, optando por ter funcionários com placas identificativas junto à entrada da Escola para acolher os alunos e os levar à respectiva sala de aula.

O AEOH vai avançar com o regime de ensino presencial, tendo também preparado, em caso de necessidade, o regime misto e o não presencial. A média de alunos por turma rondará entre os 20, 25 e 28 alunos (11º e 12º anos). O horário a praticar é semelhante aos dos anos anteriores na generalidade das turmas e os alunos vão ser distribuídos pelos pavilhões, sendo que a maioria das aulas deverão decorrer na mesma sala de aula.

A inexistência de toque para “evitar a aglomeração dos alunos”, a marcação de percursos no recinto escolar e a limitação do número de alunos em espaços como a biblioteca, o bar, a cantina, salas de convívio são algumas das medidas implementadas pela direcção do Agrupamento de Escolas. Nas aulas de Educação Física serão privilegiados os desportos individuais e sempre que possível deve ser usado o espaço exterior.

A direcção do AEOH apela aos pais para que vão buscar os seus filhos à escola assim que tenham terminado as aulas e recomenda a cultura do “lanche” seja para o meio da manhã, seja até para o almoço. O director do agrupamento, Carlos Carvalheira, apelou aos pais para que confiem na organização que está a ser feita e que incutam aos seus filhos a importância do cumprimento das regras em tempo de pandemia: uso obrigatório da máscara, lavagem e higienização das mãos e distanciamento social. “Não estamos a brincar é um assunto muito sério”, afirmou aquele responsável.

LEIA TAMBÉM

Choque frontal em Seixo da Beira provoca ferido grave

Um choque frontal entre dois veículos ligeiros de mercadorias hoje de manhã em Seixo da …

Oliveira do Hospital: viatura corta trânsito pedonal junto ao rio Alva desde Agosto

Uma viatura pesada de matrícula francesa está a impedir o trânsito pedonal, junto ponte romana, …