Home - Opinião - Será que acontece: ”Volta, Companheiro tresmalhado! Estás perdoado!”. Eleições Autárquicas à vista… Autor: João Dinis

Será que acontece: ”Volta, Companheiro tresmalhado! Estás perdoado!”. Eleições Autárquicas à vista… Autor: João Dinis

Lembram-se ?  Quando Francisco Rodrigues, até então um operativo activista do PPD/PSD concelhio, foi “contratado” pelo PS para servir, logo, o primeiro Executivo com maioria do PS, choveram sobre ele justificadas críticas designadamente por parte de ex-companheiros “sócio-democratas”… Afinal, é “coisa feia” passar-se, com armas e bagagens, para o adversário principal – pesem, embora, as muitas convergências, e conveniências, estratégicas entre ambos os partidos…  

De nossa parte, e por um lado, estranhámos a manobra que o homem – vamos passar a tratá-lo assim para não lhe misturarmos o nome próprio nesta conversa – deveria ser da maior confiança dentro do PPD/PSD e, por outro, não estranhámos assim tanto que manobras dessas fazem “eles” mais do que muitas vezes, dependendo daquilo que lhes puserem à frente como “engodo”…   E o PS – ou alguém por este partido – cedo mostrou indícios práticos do “contrato de conveniência” que havia sido feito…  E a vida continuou.

Temos, para nós, que o homem em causa, ao que parece agora em fase de “desquite” com o Presidente da Câmara (PS), tem grandes capacidades operativas e até de concepção (ideias) todavia dependendo para o que forem canalizadas mas que as tem lá isso tem e, cremos, ainda não estar “fora do prazo de garantia” nessas matérias.

Pela notícia do provável “desquite”, se dirá que o homem está ferido de “ciumeira” por produzir trabalhos, na Autarquia, de que outros se aproveitam oportunisticamente, em público.   De facto, isso mesmo terá acontecido, a fazer fé nas fotos da Revista Municipal da propaganda deste Executivo PS – revista por norma paga pelo dinheiro público do Município. Fotos e Revista Municipal da propaganda ao Presidencial “ego” e ao PS, em que não nos lembramos de alguma vez termos visto ou lido o homem com o devido destaque… Ingratidão!…   Mas também é provável que haja mais do que isso…

Pois, a consumar-se o “desquite”, que fará o homem a seguir ?  Reforma-se, ele que já terá uns 40 anitos de serviço ?  Reforma-se, afinal como fez o anterior Presidente da Câmara eleito pelo PSD e seu então companheiro “de peito” ?  Temos dúvidas em que ele abandone (já) a política local.   Ainda não lhe “chega”…

Quero afirmar que, sem dúvida, daria um bom candidato (PSD) na luta autárquica pós o actual Presidente da Câmara (PS).  O homem tem muita experiência, é conhecedor, seguramente, das situações em que anda envolvido o actual Executivo da Câmara (PS) e também terá ideias para o (seu) futuro enquanto eventual, futuro, autarca.  Mas isso não são “contas do meu rosário” e, nestas coisas (aliás como em muitas outras coisas da vida), devem ser (pelo menos) dois a quererem, no caso o homem e o PSD e se este partido lhe disser (com lágrima no canto do olho…) “volta, Companheiro tresmalhado,  estás perdoado!”…  Vamos a ver.

Autor: João Dinis, Jano

LEIA TAMBÉM

Quem for proveniente de Portugal terá que cumprir quarentena à chegada à Suíça

A Suíça vai obrigar todos os viajantes provenientes de Portugal a uma quarentena já a …

Nelas com mais dois pacientes infectados com a COVID-19

Nelas passou a contar hoje com mais dois casos positivos de COVID-19. Os novos casos …