Home - Outros Destaques - Sobe para 15 o número de turmas com aulas suspensas devido a testes da COVID-19 no Agrupamento de Escolas de OLiveira do Hospital

Sobe para 15 o número de turmas com aulas suspensas devido a testes da COVID-19 no Agrupamento de Escolas de OLiveira do Hospital

O número de turmas afectadas pelos testes positivos registados no Agrupamento de Escolas de Oliveira do Hospital subiu para 15, segundo informou o director do Agrupamento.  “Na sequência do esclarecimento enviado ao Correio da Beira Serra há algumas horas, e que entretanto foi publicado acrescento que o total de turmas que ficarão em casa passou agora a 15, na sequência de dois novos testes positivos de professores conhecidos a meio da tarde (eram cinco, passaram a sete)”, esclareceu Carlos Carvalheira, complementando uma informação que o próprio enviou ao CBS às 16h07.

O responsável do agrupamento esclareceu ainda que os sete elementos que testaram positivo estão assintomáticos e já realizaram o teste PCR para confirmar se estão de facto infectados, sendo que o resultado será conhecido amanhã. Carlos Carvalheira admite mesmo, em declarações à Rádio Boa Nova, que, a confirmar-se que aqueles elementos (seis professores e um auxiliar) estão mesmo com COVID-19, os alunos que estiveram em contacto com eles podem vir a ser testados.

As turmas que se encontram em vigilância são as seguintes: Cordinha (5ºF e 6ºF), Lagares da Beira (5ºG), Ponte-das-três-entradas (5ºH e 6ºF), Escola Sede (5ºC, 5ºD, 5ºE, 7ºA, 7ºD, 7ºK, 8ºC e 8ºF), bem como o 3º A e 3º C de Oliveira do Hospital.

Alguns encarregados de educação, recorde-se, foram hoje a meio da tarde surpreendidos por um mail no qual lhes é dado conta que amanhã os alunos devem permanecer amanhã em casa e aguardar um novo contacto. Os alunos, recorde-se, regressaram às aulas na segunda-feira, mas os testes apenas foram realizados ontem.  E seis professores e um assistente técnico testaram positivo, tendo realizado já novos testes (PCR) para confirmação dos resultados que serão conhecidos amanhã.

A missiva revela que “na sequência das testagens ao COVID-19 que decorreram no dia 6 de Abril no Agrupamento de Escolas de Oliveira do Hospital foram detetados alguns casos positivos que obrigam à tomada de medidas de contenção”. O documento explica também que amanhã, e como medida de prevenção, os alunos devem permanecer em casa e aguardar o contacto das autoridades de saúde.

O agrupamento promete ainda falar com aqueles encarregados de educação logo que haja novas informações sobre o que acontecerá na sexta-feira, se os alunos regressam à escola ou se permanecem em casa. A missiva refere ainda que amanhã não haverá ensino à distância.

LEIA TAMBÉM

Líder do CDS-PP associou à sua página do facebook o “slogan” da candidatura com o PSD à CM de Oliveira do Hospital 

O líder do CDS-PP, Francisco Rodrigues dos Santos, actualizou hoje a sua foto de perfil …

FC Oliveira do Hospital vence, termina série E em segundo lugar e vai lutar pela promoção à Liga 3

O FC Oliveira do Hospital foi hoje vencer (1-2) ao terreno do AC Marinhense e …