Home - Economia - Tábua vai contar com a criação de mais 300 postos de trabalho na área do município

Tábua vai contar com a criação de mais 300 postos de trabalho na área do município

A Vila de Tábua anunciou a criação de mais 300 postos de trabalho na área do município, ainda este ano, com a instalação de novas empresas e a expansão de outras, num concelho que tem uma das taxas de desemprego mais baixas do país. A notícia é avançada pela revista PORT.COM, a qual adianta que conseguiu apurar junto de uma fonte da câmara, que a maioria dos novos empregos resultam da construção de mais uma fábrica de mobiliário do grupo Aquinos, que dará trabalho a cerca de 200 pessoas.

Para permitir a realização deste investimento, na ordem dos 30 milhões de euros, a autarquia teve de ampliar a Área Industrial e Empresarial Sinde-Tábua. “Esta fábrica está em construção e deverá abrir no segundo semestre deste ano”, disse Mário Loureiro, presidente da Câmara Municipal de Tábua, citado pela PORT.COM, que se congratulou com a actual taxa de desemprego no concelho – 4 por cento, contra 13,4por cento a nível nacional -, em resultado de um processo “que tem evoluído muito favoravelmente” nos últimos três anos.

A nova unidade fabril do grupo Aquinos, que é também o maior empregador da região, com quase 1.500 trabalhadores, foi implantada num lote de terreno com uma área superior a nove hectares. Mário Loureiro salienta que a instalação de novas empresas, com apoio da autarquia, “tem garantido trabalho e estabilidade” aos cidadãos de Tábua, atraindo ainda mão-de-obra de outros concelhos. “Temos uma boa qualidade de vida para oferecer às pessoas”, o que é reforçado pelo trabalho de “grandes instituições que prestam apoio social à infância e à terceira idade”, sublinhou.

A Aquinos, como se pode ler na página da empresa, pretende “recrutar os melhores de entre os melhores, por isso o processo de recrutamento e selecção é exigente e rigoroso, vocacionado para a detecção de profissionais com potencial, altamente qualificados, capacidade de inovar e desenvolver, que procuram a excelência”.

 

LEIA TAMBÉM

Viajar no tempo – O nosso ecossistema. Autor: Fernando Tavares Pereira

  https://www.correiodabeiraserra.com/file/2020/07/video-1593977433.mp4 Hoje visitei as margens do Mondego, onde realizei um piquenique. Não é fácil …

Colisão frontal em Oliveira do Hospital causa dois feridos graves e dois ligeiros

Uma colisão frontal entre duas viaturas causou, cerca das 12h45, dois feridos ligeiros e dois …