Home - Destaques - “Terminou um ciclo e, por isso, decidi apresentar a minha candidatura”

“Terminou um ciclo e, por isso, decidi apresentar a minha candidatura”

Albino José, 61 anos, é o candidato da coligação Construir o Futuro, do PSD/CDS-PP, à UF de Oliveira do Hospital e S. Paio de Gramaços. Este funcionário do Centro de Saúde oliveirense esteve ligado ao associativismo e passou já 24 anos ligado à junta de freguesia, entre o executivo e a Assembleia de Freguesia. Agora pretende regressar para ajudar a dar um novo “élan” a Oliveira do Hospital. “Este é um ciclo positivo para o PSD/CDS-PP apresentarem novas ideias e novos projectos”, conta, elogiando o presidente cessante daquela autarquia Nuno Filipe Oliveira “que nem sempre viu o seu trabalho reconhecido”.

CBS – Quais as razões de surgir como candidato?

Albino José – Servir Oliveira do Hospital. Toda a minha vida profissional foi feita nesta cidade. Quero ajudar com as ideias que tenho, e com um grupo de pessoas que escolhi, a dar um novo ‘élan’ a esta freguesia. Não é nada contra ninguém. Sou candidato por um partido do qual já o meu pai, enquanto presidente da junta que foi pelo PPD/PSD, defendeu. Mantenho os mesmos princípios. Depois, foi o projecto do Francisco Rodrigues. Oliveira do Hospital precisa de algo diferente, sem prepotência, sem nada contra ninguém, mas sim em prol do desenvolvimento.

O que é que os eleitores podem esperar de si?

Trabalho e dedicação à freguesia que me viu nascer. Todos me conhecem. Sabem aquilo que tenho feito e para aquilo que tenho contribuído no desenvolvimento da minha freguesia e do meu concelho. Quero que Oliveira do Hospital continue a receber e a fixar gente nova. Ter mais estudantes, melhores acessibilidades. Esse vai ser o eco junto do poder local.

Quais os pilares do seu projecto?

Estão elencados no programa do Francisco Rodrigues. Mas, por exemplo, considero que as anexas estão muito distantes de Oliveira do Hospital. Precisam de estar mais juntas. Temos de ter corredores pedonais, e não só, de acesso. Não podemos ir à beira da estrada daqui até Catraia de S. Paio sem ter um passeio. Isto cabe dentro do programa desta Coligação.

Será uma voz incómoda junto da Câmara na defesa desses interesses?

Seja o Francisco Rodrigues, e espero que seja, ou outro, serei uma voz activa na defesa do meu concelho e, fundamentalmente, da minha freguesia. As juntas freguesias não fazem estradas. Não fazem edifícios. Têm de reivindicar. E é isso que farei.

Acredita que esta Coligação poderá conquistar o poder ao PS?

Acredito em ciclos. Terminou um ciclo e achei que este era o momento para apresentar a minha candidatura. Nem tudo o que foi feito no passado está mal. Há coisas bem feitas, há outras que poderiam ser feitas de maneira diferente. Mas acredito que este é um ciclo positivo para o PSD/CDS-PP apresentarem novas ideias e novos projectos. Combater a rotina. O que quero é mais e melhor para a minha freguesia e para o concelho.

Vai substituir uma pessoa aparentemente muito estimada pelos oliveirenses: Nuno Filipe Oliveira…

O Nuno fez muito e nem sempre foi reconhecido como devia. Apanhou um mandato complicado, com os incêndios, tempestades, com a pandemia. Mas é passado. No presente espero que se fale de Albino José.

Candidatos às Juntas de Freguesia de Oliveira do Hospital pela coligação PSD/CDS-PP: UF de Lagos da Beira e Lajeosa independente; Travanca de Lagos – Ana Falcão de Brito; Lourosa – Abel Oliveira; Bobadela – Fernando Dias Duarte; UF de Penalva de Alva e São Sebastião da Feira – António Mendes; UF de Oliveira do Hospital e São Paio de Gramações – Albino José; Avô – José Carlos Ferreira; Aldeia das dez – Luís António Gouveia Santos; Alvôco das Várzeas – Cátia Alves; Lagares da Beira – José Lopes; Meruge – Isabel Viegas; Nogueira do Cravo – José António Vicente; S. Gião – Rafael Dias; Seixo da Beira – Inácio Campos; UF de Ervedal e Vila Franca da Beira – Maria João e UF de Santa Ovaia e Vila Pouca da Beira – Bruno Amado.

LEIA TAMBÉM

“Incêndio continua por apagar”

Em comunicado a Maavim volta a lembrar episódio de Outubro de 2017.   “A MAAVIM, …

FC Oliveira do Hospital poderá jogar “na sua casa” em Tábua já a 18 de Setembro

O FC Oliveira do Hospital garante hoje em comunicado que apenas vai realizar, na qualidade …