Home - Últimas - Turbulência provocada por helicóptero terá descontrolado incêndio na Serra da Estrela

Turbulência provocada por helicóptero terá descontrolado incêndio na Serra da Estrela

A equipa de peritos da comissão independente pelo Governo concluiu a razão do descontrolo do incêndio na Serra da Estrela não foi provocado por nem falta de coordenação, nem por desvio de meios para a Volta a Portugal. Terá sido causado por um helicóptero junto do local do fogo, numa altura em que o incêndio estava controlado. “A turbulência provocada pelo helicóptero quando recolhia a equipa reactivou o fogo”, refere a notícia é avançada pela SIC que teve acesso ao relatório da comissão independente.

É o sexto incêndio de maior dimensão em Portugal, desde que há registos, e o maior registado no país no ano passado. Atingiu um local icónico e teve provocou um elevado prejuízo económico e social, sem ter registado vítimas mortais.

O fogo atingiu 22 freguesias, seis concelhos, tendo consumido um total de 22 hectares no parque natural da Serra da Estrela. O pesadelo começou na madrugada de 6 de Agosto: o alerta foi dado às 3h18, no lugar de Garrocho, Vila do Carvalho, Covilhã. Galgou para o planalto de Manteigas, a antecâmara do Vale Glaciar do Zêzere.

A comissão independente concluiu que, antes do meio-dia, o fogo estava controlado, mas “a turbulência provocada pelo helicóptero quando recolhia a equipa reactivou o fogo”. Nessa fase, os meios na faixa glaciária eram escassos e os meios aéreos inexistentes.

A SIC sabe que o helicóptero saiu de cena por avaria, um facto que não é reportado no relatório. Sabe ainda que o uso de contrafogo não foi autorizado pelo comando de Castelo Branco.

Os peritos falam em episódio eruptivo do fogo tanto no arranque, como na reactivação do incêndio, que ocorreu no dia 15 de Agosto, em Vale de Amoreira. A Autoridade Nacional de Protecção Civil chegou a falar em mão criminosa, mas no relatório está escrito que o “helicóptero fez um voo estacionário verificando-se o alargamento súbito da frente de chamas”.

LEIA TAMBÉM

Calor regressa em força esta semana e termómetros podem chegar aos 36ºC

O Instituto Português e da Atmosfera prevê que a temperatura vai subir ao longo da …

IPG

Politécnico da Guarda lança curso para capacitar cuidadores informais

O Instituto Politécnico da Guarda (IPG) lançou um curso com participação de acesso livre e …